Cláudio Pina

Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Cláudio de Pina

Órgão

Cláudio Miguel Andrade Fonseca de Pina nasceu em 2 de Agosto de 1977 em Lisboa. Começou os estudos musicais com 7 anos de idade com o professor Sanarra da Banda Filarmónica da Armada, onde estudou Formação Musical, Órgão, Trompete e Guitarra.

Com 12 anos fez parte do Coro Infantil de Santa Maria de Belém, tendo participado em várias óperas no Teatro Nacional de São Carlos.

Anos mais tarde continuou os estudos no curso de Órgão de Tubos no Instituto Gregoriano de Lisboa tendo como professores João Vaz, Ana Paula Mendes, Armando Possante, César Viana e Maria Helena Pires de Matos, tendo integrado o Coro de Câmara do Instituto Gregoriano de Lisboa.

Paralelamente, ingressa em Engenharia Física na Faculdade de Ciências de Lisboa.

Seu interesse por composição começou a tomar mais importância, aprofundando os seus estudos em diversos workshops e masterclasses de composição, assim como aulas com Eurico Carrapatoso. Nos anos seguintes dedicou-se ao Piano na área do Jazz, na Escola de Jazz Luís Villas-Boas, Hot Club, onde estudou com Felipe Melo, e composição de Jazz Contemporâneo e Jazz Eléctrico e Fusão com Pedro Madaleno. Seu gosto pelo Jazz culmina na direcção de um quarteto de Jazz com órgão Hammond.

Desenvolve iniciativas na área da Música Antiga, nomeadamente masterclass com Adam Woolf e Win Becu e concertos na Paroquial onde é titular do órgão histórico de António Xavier Machado e Cerveira há já 20 anos. Seu interesse por música contemporânea e composição continua na área da Electroacústica, Musique Concrète e Acusmática, onde estudou com Miguel Azguime, Adrian Moore, Isabel Pires e Jaime Reis.

Presentemente está a concretizar a tese em Artes Musicais na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, sob orientação de Isabel Pires, onde irá explorar técnicas de composição contemporâneas para Órgão de Tubos e Electroacústica. Como compositor já teve várias distinções e encomendas na área da Electroacústica e Música Mista para Órgão.

18 de agosto de 2017

Partilhe
Share on Facebook
Facebook