Espantando dos pardais da seara, José Malhoa, 1904, Coleção particular.

O tambor na pintura

Espantando dos pardais da seara, José Malhoa, 1904, Coleção particular.
Espantando dos pardais da seara, José Malhoa, 1904, Coleção particular.

Fonte: Sónia Duarte

0 comentários

Deixe um comentário

Quer participar?
Deixe a sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *