Artigos

Campanica Trio, foto cortada

A viola campaniça, viola alentejana, é um cordofone dedilhado que outrora existia um pouco por todo o Baixo Alentejo. Quase desapareceu do universo da música tradicional portuguesa mas hoje em dia há um aumento significativo do interesse pelo instrumento.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook
Bandurra ou viola beiroa

Cordofone dedilhado, a bandurra é também conhecida por viola beiroa. Utilizava-se esta viola popular portuguesa (que era muito frequente no distrito de Castelo Branco), nas tabernas, e em momentos festivos como os casamentos, nas serenatas aos noivos, nas vésperas e na noite da boda.

O instrumento situa-se no índice 31 do sistema Hornbostel-Sachs de classificação de instrumentos musicais (cordofones simples, compostos de cordas esticadas em um suporte, com caixa de ressonância, neste caso).

Situa-se no índice 32 do sistema Hornbostel-Sachs de classificação de instrumentos. É um cordofone composto, instrumento de corda que tem caixa de ressonância como parte integrante e indispensável. Nos instrumentos da categoria “cordofone”, o som é produzido principalmente pela vibração de uma ou mais cordas tensionadas.

ETIQUETAS

  • Instrumentos tradicionais de Portugal
  • Instrumentos de corda dedilhada
  • Família dos alaúdes
  • Instrumentos musicais começados por b
Partilhe
Share on Facebook
Facebook

Viola de arame, também designada por viola de corações ou viola da terra, é um cordofone dedilhado da família das violas portuguesas, semelhante à viola braguesa mas de boca redonda na Madeira e, nos Açores, com duas formas distintas – a de tipo micaelense com a boca em forma de dois corações, e a terceirense com a boca redonda.

Único instrumento musical típico do arquipélago, “assumiu através dos séculos grande importância social e cultural na vida das gentes de todas as ilhas, para quem apresentava uma companhia indispensável nas horas de diversão e lazer. As suas características ímpares diferenciam-nas das suas congéneres continentais e madeirense.”

José Alfredo Ferreira Almeida (2010). A Viola de Arame dos Açores. (2.ª ed.). Ponta Delgada: Letras Lavadas.

Situa-se no índice 32 do sistema Hornbostel-Sachs de classificação de instrumentos. É um cordofone composto, instrumento de corda que tem caixa de ressonância como parte integrante e indispensável.

ETIQUETAS

  • Instrumentos tradicionais de Portugal
  • Instrumentos de corda dedilhada
  • Violas de Portugal
  • Violas de arame
  • Cordofones do tipo alaúde
  • Instrumentos começados por v
Partilhe
Share on Facebook
Facebook