Artigos

Conga, Cuba

Conga é um tambor de origem cubana com casco cónico ovalado, quase como um barril. Produz um som médio grave e é usado em par ou trio, geralmente sobre um suporte. O instrumentista toca geralmente em pé.

A forma resulta da sua origem histórica. No início eram utilizados barris sem tampa com peles esticadas através de cordas, numa das bocas. O instrumento primitivo foi usado até ao princípio de século XX e evoluiu até ao modelo atual, em que a pele é tensionada por canoplas e grampos.

Tres cubano

O tres cubano é um instrumento de corda dedilhada com formato parecido com o de uma guitarra clássica, com três cordas duplas. O seu papel na música popular cubana consiste em criar linhas melódicas secundárias uma terceira ou uma sexta acima da melodia principal, com efeito rítmico. É raramente usado para tocar acordes. Originário de Porto Rico existe também um tres com 3 cordas triplas.

Okonkolo, Cuba

Okónkolo é um bimembranofone horizontal formado por caixa de ressonância cilíndrica e couro em ambas as extremidades muito utilizado em Cuba.

Marímbula

Marímbula é um lamelofone dedilhado utilizado na música cubana onde acompanha o género changüi. No México é conhecida por marimbol; na República Dominicana, é marimba; na Jamaica é rumba box. Ao contrário dos lamelofones africanos semelhantes, faz o papel de guitarra baixo, fornecendo apoio rítmico e harmónico – embora possa também fazer uma melodia simples.

Bata

Bata é um conjunto de três membranofones de percussão direta com corpo de madeira da ilha de Cuba, com origem nas tradições africanas Yoruba. O mais pequeno chama-se okónkolo; o médio, itótele; e o maior iyá.

Trio de congas, tumbadora, quinto e requinto

Tumbadora é um dos membranofones em forma de barril de cerca 120 cm de altura que fazem parte de um trio de congas, juntamente com o quinto e o requinto. É um instrumento tradicional de Cuba e toca-se com a palma das mãos.

Makuta

Makuta é um unimembranofone cónico afro-cubano.

Itótele, Cuba

Itótele é um tambor em forma de cálice, um dos três membranofones do conjunto batá (Cuba).

Erikundi, Cuba

Erikundi é um idiofone de agitação (maraca) constituído por um recipiente de vime em forma de cabaça.

Bombo criollo, Cuba

Bombo criollo, ou simplesmente bombo, é um tambor bimembranofone latino-americano herdeiro do bombo europeu e espanhol, em especial, menor que o bombo de orquestra e com corpo de madeira ou aço. É percutido com baquetas, na vertical ou na diagonal. Na Argentina, tem o nome de bombo legüero; em Cuba, bombo de comparsa; em outros países, tambora.