Artigos

Gwoje, pintura de Umeh Bede, 2009, -Gwoje rhythms, óleo sobre tela

Gwoje é um instrumento de corda fricionada comum entre os Hausa do Norte da Nigéria (África).

Kalangu, Nigéria

Kalangu (como gangan e odondo) é um tambor bimembranofone africano de percussão direta com baqueta ou com as mãos utilizado para acompanhar cerimónias religiosas e bailes.

Gangan, tambor falante yoruba

Gangan (como o kalangu e odondo) é um tambor falante yoruba (Nigéria). Bimembranofone de percussão direta com baqueta ou com as mãos utilizado, acompanha cerimónias religiosas e bailes.

Kakaki, Nigéria

Kakaki é um instrumento de sopro de metal de três a quatro metros de comprimento tradicional da Nigéria, Chade, Burkina Faso e Niger, tocado exclusivamente por homens em cerimónias importantes.

Ubo, Nigéria

Ubo é um lamelofone tradicional africano do povo Igbo (Nigéria) munido de 8 lamelas sobre meia cabaça que consiste numa pequena caixa de ressonância de madeira e lâminas de metal beliscadas pelos dedos do executante. Em África, o piano de dedos tem diferentes nomes e características específicas, de acordo com o país e região: likembe, ubo, sanza, sansu, zanzu, karimba, kalimba, mbila, mbirahuru, mbiranjari, okeme, mbira nyunga nyunga, marimba, marimbula, karimbao.

Ashikos

Ashiko é um unimembranofone de percussão direta com as mãos, com corpo de madeira em forma de cone  truncado. tradicional da Nigéria (África). Em Cuba, tem o nome de boku.

Gbedu, Nigéria

Gbedu é um tambor de cunhas tradicional da Nigéria.

Ekwe, Nigéria

Ekwe é um tambor de fenda percutido com um par de baquetas, tradicional da Nigéria (África).

Sakara, Nigéria

Sakara é um membranofone Yoruba de aro baixo com corpo circular coberto de pele de cabra, percutido com uma baqueta. É um instrumento tradicional da Nigéria.

Omele, Nigéria

Omele é um pequeno tambor bimembranofone cilíndrico tradicional da Nigéria (África).