Artigos

Rik, instrumento de percussão de membrana com soalhas, árabe

O mesmo que riq ou riqq, rik é um instrumento de percussão de membrana com soalhas, que acompanha a música tradicional e a música clássica árabes. Unimembranofone com origem no daf persa, mede entre 20 e 25 cm de diâmetro e 5 cm de profundidade, e é geralmente dotado de 10 pares de soalhas. Faz parte do tradicional agrupamento arábico conhecido por takht, que inclui quatro instrumentos melódicos (oud, nay, qanun e violino) e um instrumento de percussão (riq, por vezes substituído pela tabla). Na primeira metade do século XX, era o único instrumento de percussão que fazia parte dos agrupamentos de música árabe. Na segunda metade do século XX, foram introduzidos outros instrumentos, como a tabla.

[ Instrumentos musicais árabes ]
Partilhe
Share on Facebook
Facebook
Garagab, qraqib, Qaraqib, qarqaba, qraqeb

Garagab (também chamado krakebs, qaraqib ou qarqaba) é um idiofone metálico de percussão direta constituído por dois pares de peças metálicas que entrechocam por ação das mãos, como as castanholas.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook
Duf, tambor de mão

Duf (daff, dafli, dufli, def, daf) é um membranofone circular de aro baixo revestido de pele de vaca, cabra ou cavalo, e com pequeníssimos aros a toda a volta, no lado inferior. É um instrumento muito usado no Médio Oriente, Irão, Índia e Ásia Central, tanto na música popular como na erudita. Alguns daf são munidos de soalhas o que os torna semelhantes a pandeiretas maiores.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook
Riqq, tambor de mão árabe

O mesmo que riq ou rik, riqq é um pandeiro, com soalhas, que acompanha a música tradicional e a música clássica árabes. Unimembranofone com origem no daf persa, mede entre 20 e 25 cm de diâmetro e 5 cm de profundidade, e é geralmente dotado de 10 pares de soalhas. Faz parte do tradicional agrupamento arábico conhecido por takht, que inclui quatro instrumentos melódicos (oud, nay, qanun e violino) e um instrumento de percussão (riq, por vezes substituído pela tabla). Na primeira metade do século XX, o riq era o único instrumento de percussão que fazia parte dos agrupamentos de música árabe. Na segunda metade do século XX, foram adicionados outros instrumentos como a tabla.

[ Instrumentos musicais árabes ]
Partilhe
Share on Facebook
Facebook
Rebab, Indonésia

Rebab é um cordofone de arco em uso em diferentes países muçulmanos e na Itália, com formatos e características diferentes. A caixa é coberta de uma membrana, talhados de um único bloco de madeira. Foi introduzido na Espanha por volta do século VII com a ocupação muçulmana. No Afeganistão é hoje o instrumento principal da música afegã, sendo parecido com o banjo. Tem outros nomes: rabab, rebap, rebeb, rababa, al-rababa, rubāb, robab, rubob ou rawap e também é conhecido como joza ou jauza no Iraque.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook
Riq

O mesmo que riqq ou rik, riq é um pandeiro com soalhas, que acompanha a música tradicional e a música clássica árabes. Unimembranofone com origem no daf persa, mede entre 20 e 25 cm de diâmetro e 5 cm de profundidade, e é geralmente dotado de 10 pares de soalhas. Faz parte do tradicional agrupamento arábico conhecido por takht, que inclui quatro instrumentos melódicos (oud, nay, qanun e violino) e um instrumento de percussão (riq, por vezes substituído pela tabla). Na primeira metade do século XX, o riq era o único instrumento de percussão que fazia parte dos agrupamentos de música árabe. Na segunda metade do século XX, foram adicionados outros instrumentos como a tabla.

[ Instrumentos musicais árabes ]
Partilhe
Share on Facebook
Facebook
Tarabuka

Tarabuka é um tambor unimembranofone em forma de cálice. É percutido com os dedos de ambas as mãos entre as pernas do executante ou num suporte. Tarabuka, tarabaki, darbuka, doumbeck, dumbec, dumbeg, dumbelek, tablah, toumperlek , zerbaghali são instrumentos semelhantes com diferentes nomes, de diferentes regiões, no Médio Oriente, Norte de África, Sul da Ásia e Europa de Leste.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook
Mirwas

Mirwas, ou marwas, é um pequeno bimembranofone circular originário do Médio Oriente. Usado na música sout e fijiri, é muito popular nos Estados Árabes Unidos e Golfo Pérsico, e também muito comum no Yémen e Malásia. Emigrantes yemenitas levaram este tambor de mão para a Malásia, Indonésia e Brunei. No Sudeste Asiático Muçulmano é usado nos gêneros musicais zapin e gambus. Mirwas é um tambor semelhante ao kendang desta área geográfica.

[ Instrumentos musicais árabes ]
Partilhe
Share on Facebook
Facebook
Dumbek

Dumbek, ou dumbak, é um membranofone em forma de taça tradicional do mundo árabe.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook
Rababah

Rababah é um cordofone de arco árabe.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook