Artigos

Marcos Portugal

01 de março

Nasceu Helena Raposo, alaudista.

02 de março

Nasceu Inês Simões, soprano lírico spinto.

03 de março

Nasceu, em Alcácer do Sal, em 1889, Ruy Coelho, compositor e dinamizador da ópera.

Morreu, no Porto, em 1900, o violinista e compositor Nicolau Ribas.

violinista Nicolau Ribas

04 de março

Nasceu Óscar Rodrigues, compositor.

Nasceu Ana Sofia Sousa, violetista.

Nasceu a cravista e organista Cristiana Spadaro.

05 de março

Nasceu, em Celorico da Beira, em 1912, Silva Pereira, violinista, violetista e chefe de orquestra nascido.

Nasceu Filipe Quaresma, violoncelista.

06 de março

Morreu, em Leça da Palmeira, em 1958, Óscar da Silva, pianista e compositor.

Nasceu Rui Martins, pianista.

07 de março

Nasceu, em Monção, em 1945, Amílcar Vasques-Dias, compositor e pianista.

Nasceu a cantora lírica Helena Vieira.

Nasceu Victor Pereira, clarinetista.

Nasceu Carlos Silva, tenor.

Nasceu Rui Soares, organista.

08 de março

Nasceu o organista Daniel Oliveira.

Nasceu o clarinetista Ricardo Torres.

09 de março

Nasceu Ianina Khmelik Pacheco, violinista da Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música.

10 de março

Morreu, em Évora, em 1700, Diogo Dias Melgás, compositor polifonista natural de Cuba.

Nasceu, em Madrid, em 1832, Nicolau Ribas, compositor e violinista falecido no Porto a 3 de março de 1900.

Nasceu Sofia Lourenço, pianista portuense.

Nasceu Filipa Taipina, maestrina.

Nasceu Raquel Queirós, violinista.

Nasceu Inês Madeira, cantora lírica.

11 de março

Nasceu Mário Barreiros, baterista.

Nasceu Evandra Gonçalves, violinista.

Nasceu Raquel Lima, flautista.

12 de março

Inauguração, em 2010, das novas instalações da Academia de Música de Vilar do Paraíso.

13 de março

Nasceu, em Lisboa, em 1931, a fadista Fernanda Peres.

fadista Fernanda Peres
Fernanda Peres

14 de  março

Nasceu em Arouca em 1989 a fagotista Susana de Oliveira.

Nasceu Ricardo Mota, violoncelista, em 1980.

Nasceu a investigadora Paula Gomes Ribeiro.

15 de março

Nasceu em 1966 o trompista Paulo Guerreiro.

16 de março

Nasceu, em Barcelona, em 1937, Constança Capdeville, compositora, pecussionista e pedagoga.

Nasceu a pianista Vera Fonte.

17 de março

Nasceu o tenor José Carlos Xavier.

Nasceu em 1958 a cantora Maria Viana.

Nasceu em 1991 o trompetista Tiago Rebelo.

Nasceu a flautista Beatriz Baião.

18 de março

Nasceu, em Lisboa, em 1851, Guilherme Ribeiro, compositor, professor de canto e piano e entusiasta da música coral.

Nasceu, em São Miguel, 1946, José Pracana, fadista, guitarrista, coleccionador e divulgador do fado.

Nasceu em Lisboa, em 1978, a cantora Sofia Ribeiro.

19 de março

Nasceu o fagotista José Pedro Figueiredo, em 1973.

Nasceu a saxofonista Lúcia Duarte.

Nasceu a violinista Heloisa Ribeiro.

20 de março

Foi criado, em 1970, o Grupo de Música Contemporânea de Lisboa.

Nasceu o flautista Samuel Couto.

22 de março

Foi cantada pela primeira vez a ópera “Irene”, de Alfredo Keil, em Turim, Itália, em 1893.

23 de março

Morreu, em Lisboa, em 1924, Augusto Machado, compositor, maestro e diretor do Conservatório Real de Lisboa.

Nasceu, em Istambul, em 1869, Calouste Gulbenkian, mecenas e colecionador de arte.

24 de março

Nasceu, em Lisboa, em 1762, Marcos António da Fonseca Portugal, conhecido por Marcos Portugal, compositor.

Nasceu, em Lisboa, em 1863, Júlio Neuparth, professor de Harmonia no Conservatório Real de Lisboa e crítico musical do Diário de Notícias.

Morreu, em 2016, Maria José Morais pianista que desenvolveu uma prestigiada carreira internacional pela Europa.

28 de março

Morreu, em Coimbra, em 1986, Manuel Joaquim, importante musicólogo português.

29 de março

Morreu, em 1990, aos 61 anos, Alain Oulman, nome profundamente ligado às principais músicas do fado cantado por Amália Rodrigues.

Nasceu em Lisboa, em 1949, Carlos Azevedo, compositor e pianista.

30 de março

Morreu, em 2016, Magdalena van Zeller, uma das mais eminentes cravistas portuguesas, realizadora e produtora da RDP/Antena 2.

Morreu, em 2019, Anna Mascolo, bailarina, coreógrafa e pedagoga.

pianista Fernando Laires

03 de janeiro

Nasceu, em Lisboa, em 1925, Fernando Laires, ilustre pianista, pedagogo e diretor artístico que tocou em quatro continentes.

Nasceu Ana Quintans, soprano de carreira internacional.

04 de janeiro

Nasceu Teresa Tarouca, fadista, no dia 4 de janeiro de 1942, numa família ligada à música.

Nasceu Sónia Leitão, guitarrista.

Nasceu Jano Lisboa, violetista.

05 de janeiro

Nasceu Nuno Rigaud, organeiro.

Nasceu Gonçalo Lourenço, compositor e maestro.

Morreu, em Lisboa, em 2012, Pedro Osório, orquestrador, chefe de orquestra, diretor musical, compositor.

06 de janeiro

Nasceu, em Lisboa, em 1871, a cantora lírica Regina Pacini.

Nasceu João Terleira, tenor.

07 de janeiro

Morreu, em 1325, em Santarém, D. Dinis, Rei de Portugal, trovador, amante das artes e das letras.

Nasceu Júlio Guerreiro, guitarrista

Morreu, em 2016, a fadista portuguesa Fernanda Peres.

08 de janeiro

Morreu, no Porto, em 2006, Helena Sá e Costa, pianista, concertista e professora.

Nasceu Jenny Silvestre, cravista.

Nasceu André Sardet, cantautor português.

09 de janeiro

Nasceu, em Setúbal, em 1753, Luísa Todi, uma das maiores artistas líricas do seu tempo.

Nasceu Francisco Seabra, teclista.

Nasceu Andreia Sousa, cantora.

10 de janeiro

Nasceu Bruno Martins, maestro.

11 de janeiro

Nasceu Joana Resende, pianista

12 de janeiro

Morreu, em Lisboa, em 1980, o compositor Frederico de Freitas, compositor, chefe de orquestra, musicólogo e pedagogo.

Nasceu Rui Silva, fabricante de adufes.

Nasceu Maria do Céu Camposinhos, pianista.

13 de janeiro

Nasceu Crispim Luz, clarinetista português.

14 de janeiro

Nasceu Viviane Parra, cantora.

Nasceu Filipa Andrade, piano.

Morreu Vitorino Matono (1921 – 2019), maestro, acordeonista e pedagogo, introdutor do acordeão de concerto em Portugal.

15 de janeiro

Dia Mundial do Compositor

Nasceu Cristóvão Luís, pianista.

17 de janeiro

Morreu, em Lisboa, em 2017, João Balula Cid, pianista.

Nasceu a soprano e investigadora Tânia Valente.

Nasceu a soprano e professora Raquel Alão.

Nasceu Raquel Andrade, violoncelista.

Nasceu Telmo Barbosa, trompete.

Nasceu José Peixoto, guitarra.

18 de janeiro

Nasceu, em Setúbal, em 1876, António Eduardo Ferreira, professor do Real Conservatório de Lisboa.

Nasceu, nos Açores, em 1917, Áureo Nunes e Castro, padre, compositor, músico e professor português.

Nasceu a violoncelista Ana Filomena Silva.

Nasceu Sofia Sousa Rocha, compositora.

Nasceu a violinista Eliana Magalhães.

Nasceu a violinista Ana Damil.

Nasceu Lúcia Ribeiro, canto.

19 de janeiro

Nasceu Sérgio Leite, felgueirense, pianista, professor e acompanhador

20 de janeiro

Morreu, em Gaia, em 1977, Armando Leça, compositor, professor e folclorista.

Nasceu, no Montijo, em 1940, Jorge Peixinho, compositor, pianista e maestro com lugar de destaque na música portuguesa.

21 de janeiro

Nasceu, no Porto, em 1895, Cláudio Carneyro, compositor.

Morreu, em Macau, Áureo Nunes e Castro, padre, compositor, músico e professor português.

22 de janeiro

Nasceu Isabel Vaz, violoncelista.

23 de janeiro

Nasceu Sofia Silva, flautista.

24 de janeiro

Nasceu Marco Ferreira, guitarrista.

Morreu o guitarrista e compositor José Lopes e Silva (1937-2019).

25 de janeiro

Nasceu Tiago Abrantes, clarinetista.

26 de janeiro

Nasceu Óscar Marcelino da Graça, piano.

Nasceu Filipe Veríssimo, organista e maestro.

Nasceu Abel Gomes, violoncelista.

Nasceu Joana Oliveira, flautista.

27 de janeiro

Nasceu, em Barcelinhos, em 1843, Miguel Ângelo Pereira, pianista e compositor.

Nasceu António Chaínho. guitarra portuguesa.

Nasceu Ana Mafalda Castro, cravo.

28 de janeiro

Nasceu Alberto Sousa, tenor.

29 de janeiro

Alexandra Mascolo David, pianista portuguesa residente nos EUA.

Nasceu Bruno Pinto Cardoso, violoncelo.

Nasceu Isabel Calado, cravo.

30 de janeiro

Nasceu António Santos, trombone.

Nasceu Ricardo Abreu, guitarra.

Nasceu Pedro Amaral, compositor e diretor de orquestra.

João Domingos Bomtempo

02 de dezembro

Nasceu o guitarrista Rui Mourinho.

03 de dezembro

Nasceu a soprano Sónia Alcobaça.

04 de dezembro

Nasceu, em Lisboa, em 1898, Mário de Sampayo Ribeiro, importante musicólogo, pedagogo, crítico de música, regente coral e compositor português.

Nasceu a fagotista Cândida Nunes.

05 de dezembro

Nasceu a soprano Maria do Anjo Albuquerque.

06 de dezembro

Nasceu a soprano Marina Pacheco.

Nasceu o trompista Ricardo Matosinhos.

07 de dezembro

Nasceu o musicólogo madeirense Paulo Esteireiro.

08 de dezembro

Nasceu o barítono Luiz Filipe Marques.

09 dezembro

Nasceu, na Quinta da Lavandeira, Gaia, em 1890, Ernestina da Silva Monteiro, fundadora, com as suas irmãs, do Curso de Música Silva Monteiro.

Morreu, em Lisboa, em 1974, o compositor Jorge Croner de Vasconcelos, filho de violinista e neto de cantora de ópera.

Nasceu o pianista e maestro Jan Wierzba.

10 de dezembro

Faleceu Fernanda Mella, professora de História da Música no Conservatório Nacional.

11 de dezembro

Nasceu o violinista Ricardo Mendes.

12 de dezembro

Morreu, em Talavera la Real, em 1603 ou 1605, Alexandre de Aguiar, poeta, músico, compositor e cantor, natural do Porto.

Morreu, em Coimbra, em 1618, D. Pedro de Cristo, compositor, um dos mais importantespolifonistas portugueses dos séculos XVI-XVII.

13 de dezembro

Nasceu António Capela, luhier.

Nasceu o flautista Marco Pereira.

14 de dezembro

Nasceu o pianista e maestro Yan Mikirtumov.

15 de dezembro

Nasceu a violinista e compositora Anne Victorino d’Almeida.

Morreu, em 2019, em Cascais, a coreógrafa e bailarina Águeda Sena, pioneira da dança em Portugal, aos 92 anos.

bailarina e coreógrafa Águeda Sena
bailarina e coreógrafa Águeda Sena

16 de dezembro

Nasceu Suse Ribeiro.

17 de dezembro

Nasceu, em Tomar, em 1906, Fernando Lopes-Graça, um dos maiores compositores portugueses do século XX.

Nasceu, em Ponta Delgada, Açores, em 1908, Eurico Tomás de Lima, pianista, pedagogo e compositor português.

Nasceu, em Évora, em 1917, José Augusto Alegria, importante musicólogo português.

20 de dezembro

Nasceu a clarinetista Sandra de Sousa.

Nasceu o violoncelista Hugo Paiva.

Nasceu o fagotista Eduardo Sirtori.

21 de dezembro

Morreu, em Coimbra, em 1552, Heliodoro de Paiva, compositor, filósofo e teólogo.

Nasceu o tenor José Manuel Araújo.

Nasceu a harpista Salomé Pais Matos.

22 de dezembro

Morreu em 1912, em Lisboa, Maurício Bensaúde, cantor lírico português que atingiu renome internacional.

25 de dezembro

Morreu, no Porto, em 2010, Manuel Ivo Cruz, maestro, diretor do Teatro Nacional de São Carlos.

Nasceu a compositora Isabel Soveral.

Nasceu o guitarrista e compositor José Mesquita Lopes.

26 de dezembro

Nasceu, no Funchal, em 1892, o tenor de carreira internacional Lomelino Silva.

Nasceu, em Vinhais, em 1949, Jorge Lima Barreto, músico, musicólogo, compositor, conferencista, improvisador, professor.

Nasceu o saxofonista João Mortágua.

Morreu, em 2016, José Pracana, fadista, guitarrista, coleccionador e divulgador do fado, natural dos Açores.

27 de dezembro

Nasceu, em Lisboa, em 1845, Augusto Machado, compositor e diretor do Real Conservatório de Lisboa.

Nasceu o compositor João Pedro Oliveira.

Nasceu o maestro Rui Pinheiro.

Morreu, em Lisboa, em 2007, Leonor de Sousa Prado, violinista e pedagoga, uma das maiores violinistas e pedagogas portuguesas.

28 de dezembro

Nasceu, em Lisboa, em 1775, João Domingos Bomtempo, compositor e pianista, filho de Francisco Saverio Buontempo, um dos músicos italianos que vieram a Portugal para o serviço do rei D. José.

Nasceu Diogo Zão, cravista e organista.

31 de dezembro

Nasceu o compositor e maestro Vasco Pereira.

Nasceu o guitarrista Paulo Amorim.

Nasceu o maestro Filipe Cunha.

compositor Luís de Freitas Branco

01 de novembro

Nasceu Ramón Galarza, produtor e baterista.

02 de novembro

Nasceu, no Porto, em 1921, Fernando Corrêa de Oliveira, compositor, pianista, pedagogo e teórico musical português.

04 de novembro

Nasceu, em Lisboa, em 1919, Lucília do Carmo, uma das figuras importantes do Fado de Lisboa.

Nasceu o compositor Nuno Costa.

05 de novembro

Nasceu Idalete Giga, diretora de coros, professora e promotora da Semana Gregoriana.

07 de novembro

Nasceu o trompetista António Quítalo.

08 de novembro

Nasceu, em 1950, Christopher Bochmann, compositor, maestro e professor.

09 de novembro

Morreu, em Lisboa, em 1967, Tomás Alcaide, grande tenor lírico de carreira internacional.

10 de novembro

Morreu, em Salzburgo, em 2008, a cantora lírica portuguesa Ana Lagoa.

11 de novembro

Nasceu Luís Meireles, flautista portuense.

Morreu, em Lisboa, em 1967, o tenor madeirense de carreira internacional Lomelino Silva.

Morreu a fadista Teresa Tarouca, nascida em Lisboa no dia 4 de janeiro de 1942.

12 de novembro

Nasceu Jorge Alves, violeta

13 de novembro

Nasceu António Sousa Dias, compositor.

Morreu, em Lisboa, em 2019, Manuel Jorge Veloso, baterista, compositor e crítico.

14 de novembro

Morreu em Lisboa, em 1899, Victor Hussla, violinista nascido em Sampetersburgo.

Nasceu Artur Fernandes, acordeonista.

15 de novembro

Nasceu, em Lisboa, em 1902, o compositor Frederico de Freitas, compositor, chefe de orquestra, musicólogo e pedagogo.

Nasceu Rui Brito, trompetista.

16 de novembro

Morreu, em 1665, João Lourenço Rebelo, cantor e compositor da corte de D. João IV.

Nasceu, em São Miguel de Ceide, Famalicão, Manuel Faria, compositor, pedagogo, maestro, articulista e conferencista.

17 de novembro

Nasceu, no Porto, em 1938, Álvaro Cassuto, diretor de orquestra e compositor.

Nasceu Nuno Aroso, percussionista.

Faleceu, em 2012, em Lisboa, Antoine Sibertin-Blanc, organista francês que se radicou em Portugal.

18 de novembro

Nasceu David Silva, trombone.

Morreu em 2019 a fadista Argentina Santos nascida a 6 de fevereiro de 1924 no bairro da Mouraria, em Lisboa.

19 de novembro

Nasceu Carlos Garcia, compositor.

Morreu, em Lisboa, em 1998, Lucília do Carmo, uma das figuras importantes do Fado de Lisboa.

Morreu em 2019 o cantautor José Mário Branco, nascido no Porto a 25 de maio de 1942.

20 de novembro

Nasceu, no Porto, em 1915, Madalena Sá e Costa, conceituada violoncelista.

Nasceu José Silva, trombone.

22 de novembro

Dia de Santa Cecília, padroeira dos músicos

Nasceu Fernando Lapa, compositor.

23 de novembro

Nasceu, em Angra do Heroísmo, em 1867, o compositor e pedagogo Tomás Borba.

Nasceu Rodrigo Serrão, intérprete de Chapman stick.

24 de novembro

Inauguração EM 2012 do espaço requalificado da Academia de Música de Celorico de Basto.

Nasceu André Lacerda, tenor.

Morreu em Lisboa Clotilde Rosa, compositora e pedagoga portuguesa.

Morreu, em Lisboa, aos 87 anos, o barítono Álvaro Malta.

25 de novembro

Nasceu Edite Rocha, organista.

Nasceu a violinista Paula Carneiro.

26 de novembro

Morreu, em Lisboa, em 1880, Guilherme Cossoul, compositor e instrumentista, filho do violinista João Luís Olivier Cossoul e da pianista Virgínia Tomassu.

Morreu, em Lisboa, em 2014, a pianista italo-portuguesa Nella Maissa, que desenvolveu uma longa carreira dedicada à atividade de concertista.

Morreu, em 2016, em Lisboa, o maestro e compositor Arlindo de Carvalho, autor de canções para Luís Piçarra, Amália Rodrigues, entre outros.

Nasceu o baixo-barítono Bruno Pereira.

27 de novembro

Morreu, em Lisboa, em 1955, o compositor português Luís de Freitas Branco.

Morreu, na Parede, Cascais, em 1994, Fernando Lopes-Graça, um dos maiores compositores portugueses do século XX.

Morreu, em Lisboa, em 1709, António Marques Lésbio, compositor barroco, conhecido, sobretudo, pelos seus vilancicos.

29 de novembro

Dia Mundial da Música Coral

30 de novembro

Morreu, em Lisboa, em 2015, Vítor Roque Amaro, que foi diretor dos coros Vértice, Dom Luís I, Educ(ant)are, Corellis e Concertus Antiquus.

Nasceu a acordeonista Carisa Marcelino.

Luísa Todi

01 de outubro

Morreu, em Lisboa, em 1833, Luísa Todi, uma das maiores artistas líricas do seu tempo.

Dia Mundial da Música

Nasceu Teresita Gutierrez Marques, diretora artística do Coro de Câmara de Lisboa.

02 de outubro

Nasceu Raquel Camarinha, soprano.

03 de outubro

Nasceu, em Samões, Vila Flor, em 1904, Júlia d’Almendra, a grande impulsionadora do canto gregoriano em Portugal.

Morreu, em 1918, David de Souza, compositor, diretor de orquestra e violoncelista.

Nasceu Roberto Pérez, professor na Universidade de Évora, ESML, CRBA e UFBA.

04 de outubro

Morreu, em 1907, em Hamburgo, Alfredo Keil, compositor, autor de óperas e da música do Hino Nacional.

Nasceu António Tilly, investigador e director pedagógico do Conservatório de Música de Seia.

05 de outubro

Nasceu Bruno Cândido, professor no Conservatório Regional de Castelo Branco
e maestro da Orquestra de Jovens do CRCB.

06 de outubro

Morreu, em Lisboa, em 1999, Amália Rodrigues, por muitos considerada a maior voz portuguesa, por interpretar de um modo único e invulgar o fado.

fadista Amália Rodrigues
Amália Rodrigues

Nasceu Filipe Luís Bernardo, trompa.

07 de outubro

Nasceu Filipe Pereira, clarinetista.

09 de outubro

Nasceu, em Lisboa, em 1261, D. Dinis, Rei de Portugal, trovador, amante das artes e das letras.

10 de outubro

Nasceu António Moreira Jorge, diretor do Conservatório de Música do Porto.

11 de outubro

Nasceu Pedro Costa, pianista

12 de outubro

Nasceu, em Lisboa, em 1890, o compositor Luís de Freitas Branco, uma das figuras mais importantes da música portuguesa do século XX.

Nasceu Vera Silva, canto.

Morreu em Carnaxide, em 2012, Carlos Azevedo, compositor e pianista.

13 de outubro

Morreu, em 1918, António Fragoso, António Fragoso, compositor, musicólogo e pianista.

Nasceu Ana Ferro, mezzo-soprano.

14 de outubro

Nasceu Alexandra Curado, maestrina.

15 de outubro

Nasceu, em Londres, em 1908, Carl Macario Santiago Kastner, instrumentista, professor, crístico musical, investigador em Música Antiga.

Nasceu Teresa Valente Pereira, violoncelista.

16 de outubro

Nasceu em Sampetersburgo, em 1857, Victor Hussla violinista que faleceu em Lisboa em 14 de novembro de 1899.

Nasceu Rita Moldão, soprano.

17 de outubro

Nasceu Ana Tedim, violinista.

18 de outubro

Nasceu Ricardo Vieira, pianista.

19 de outubro

É inaugurado, em 1985 o grande órgão Jann da Sé do Porto.

21 de outubro

Nasceu, em Tinhela de Monforte, em 1894, Manuel Joaquim, um importante musicólogo português.

Morreu, em 2004, Fernando Corrêa de Oliveira, compositor, pianista, pedagogo e teórico musical português.

22 de outubro

Nasceu Rui Baeta, barítono.

23 de outubro

Nasceu, em Lisboa, em 1907, Hermínia Silva, fadista e actriz de revista e cinema.

24 de outubro

Nasceu o trompetista Marco Silva.

25 de outubro

Nasceu Eduardo Lopes, baterista.

Morreu, em 2016, Sara Rosa, cantora de ópera que se estreou no Teatro de São Carlos em 1960.

Morreu, em 2018, no Funchal, o maestro João Victor Costa, autor do “Hino da Madeira”

26 de outubro

Nasceu Sérgio Carolino, tubista de carreira internacional.

27 de outubro

Nasceu Paula Azguime, flautista e compositora.

29 de outubro

Nasceu Ana Barros, soprano

Nasceu João Vasco, pianista e fotógrafo.

30 de outubro

Nasceu, em Luanda, Carla Seixas, pianista.

compositor Emmanuel Nunes

01 de setembro

Nasceu, na Figueira da Foz, em 1904, Maria Alice, fadista muito popular na década de 30 do século XX.
Dia Nacional das Bandas Filarmónicas.

Dia Nacional das Bandas Filarmónicas.

Banda Filarmónica 1º de Dezembro
Banda Filarmónica 1º de Dezembro

02 de setembro

Morreu, em Paris, em 2012, Emmanuel Nunes, compositor português radicado em Paris, Prémio Pessoa em 2000.

Nasceu o clarinetista David Silva.

03 de setembro

Nasceu Nuno Dias, baixo lírico.

04 de setembro

Nasceu Pedro Macedo Camacho, compositor madeirense.

05 de setembro

Nasceu, em 1989, o pianista José Miguel Costa.

Nasceu António Carrilho, intérprete de flauta de bisel, em Lisboa, a 5 de Setembro de 1972.

06 de setembro

Nasceu Catarina Torres, luthier de contrabaixos em Lisboa e no Atelier Torres & Dase.

07 de setembro

Nasceu Miguel Carvalhinho, guitarrista e docente na ESART.

08 de setembro

Morreu, em Lisboa, em 1985, Manuel Ivo Cruz, compositor, músico e professor de música que se destacou como fundador da Orquestra Filarmónica de Lisboa.

09 de setembro

Morreu, em Rochester, NY, EUA, em 2016, Fernando Laires, ilustre pianista, pedagogo e diretor artístico que tocou em quatro continentes.

10 de setembro

Nasceu o baterista Jorge Moniz.

11 de setembro

Nasceu Pedro Dias, guitarra portuguesa.

12 de setembro

Nasceu o flautista Olavo Tengner Barros.

13 de setembro

Nasceu o organista António Esteireiro.

14 de setembro

Morreu, em 2016, o violetista José Luís Duarte, considerado uma referência da viola d’arco e do universo musical em Portugal.

Inauguração, em 2012, da Academia de Música de Valença.

Nasceu o pianista Cândido Fernandes.

Nasceu o clarinetista Hugo Queirós.

15 de setembro

Nasceu o pianista Daniel Cunha.

Morreu, no Brasil, em 2019, o cantor Roberto Leal, de cancro, aos 67 anos.

17 de setembro

Morreu, em Évora, em 1596, Cosme Delgado, compositor português do Renascimento.

Nasceu o clarinetista Edgar Silva.

18 de setembro

Morreu, em 1965, em Buenos Aires, a cantora lírica Regina Pacini nascida em Lisboa.

Nasceu a pianista Maria de Menezes.

19 de setembro

Nasceu a meio-soprano Brígida Silva.

20 de setembro

Nasceu, no Porto, em 1926, José Fontes Rocha, guitarrista que acompanhou muitos fadistas portugueses, com destaque para Amália.

Nasceu o pianista João Queirós.

21 de setembro

Nasceu o guitarrista André Madeira.

22 de setembro

Morreu, em Lisboa, em 1992, Júlia d’Almendra, a grande impulsionadora do canto gregoriano em Portugal.

Nasceu a pianista Joana David.

23 de setembro

Nasceu a violetista Emília Alves.

24 de setembro

Morreu, em Évora, em 1605, Manuel Mendes, compositor e pedagogo do Renascimento, figura importante da polifonia portuguesa.

Morreu, em 1646, Duarte Lobo, compositor português do Renascimento tardio e Barroco inicial.

Nasceu o flautista Francisco Barbosa

25 de setembro

Nasceu Miguel Campinho, piano, professor na Universidade do Texas.

26 de setembro

Nasceu o percussionista Luís Cascão.

27 de setembro

Nasceu João Merino, barítono

28 de setembro

Nasceu Iria Perestrelo, soprano

29 de setembro

Nasceu Amândio Filipe, baterista.

30 de setembro

Nasceu, na ilha de São Miguel, Açores, José Rodrigues d’Oliveira, concertista de cornetim e ocarina.

Foi inaugurado, em 2009, o órgão Mathis da igreja do mosteiro dos Jerónimos, Lisboa.

compositora Berta Alves de Sousa

01 de agosto

Morreu, no Porto, em 1997, Berta Alves de Sousa, compositora e professora do Conservatório de Música do Porto.

Morreu Celeste Rodrigues, fadista (Fundão, 14 de março de 1923 – Lisboa, 1 de agosto de 2018).

Nasceu Catarina Santos, professora de Flauta Transversal e Direção Pedagógica na Academia de Música de Viatodos e professora na ArtEduca.

02 de agosto

Nasceu, em Aveiro, em 1929, José Afonso, também conhecido por Zeca Afonso, cantor e compositor português de intervenção, autor de “Grândola, Vila Morena”.

Nasceu Isabel Sá, pianista e professora de Piano no Conservatório de Música do Porto, licenciada pela ESMAE.

03 de agosto

Nasceu Joana Rebelo de Pinho, violinista e professora de violino no Conservatório de Música Terras de Santa Maria.

04 de agosto

Morreu, em 2005, a pianista portuguesa Florinda Santos, que tocou pelo mundo com as melhores orquestras e maestros.

Nasceu Raquel Bastos, violetista na Queensland Symphony Orchestra e Villanova College.

05 de agosto

Nasceu Jean-François Lézé.compositor, pianista e timpanista solo.

06 de agosto

Nasceu Nuno Ivo Cruz, terceira geração de uma família de músicos profissionais, primeiro Flauta da Orquestra Sinfónica Portuguesa, membro do Quinteto Flamen.

07 de agosto

Nasceu Manon Marques, professora na Escola Superior de Música de Lisboa.

08 de agosto

Morreu, em 1992, o compositor e pedagogo César de Morais.

Nasceu Ana Pereira, violino.

09 de agosto

Nasceu em Leça da Palmeira, em 1893, Armando Leça, pseudónimo, compositor, folclorista e etnomusicólogo.

Nasceu Jorge Sá Machado, violoncelista.

10 de agosto

É inaugurado, em 1993, o Centro Cultural de Belém, Lisboa.

Nasceu Leonor Amaral, cantora lírica.

11 de agosto

Nasceu Hélder Alves, saxofone, professor na Academia de Amadores de Música, Conservatório Nacional Escola Artística de Música e Banda da Armada Portuguesa

12 de agosto

Nasceu Mário Teixeira, trombone, diretor Pedagógico do Orfeão de Leiria, professor na Samp Pousos e Orfeão de Leiria.

Morreu João Manuel Barros, cenógrafo e aderecista do Teatro Nacional de São Carlos.

13 de agosto

Nasceu Miguel Jalôto, cravo e órgão

14 de agosto

Nasceu Luís Rendas Pereira, cantor lírico

15 de agosto

Morreu, em Lisboa, em 2011, José Fontes Rocha, guitarrista, Prémio Amália Rodrigues Melhor Compositor de Fado em 2005.

Nasceu José Carlos Araújo, cravista e organista.

Nasceu Eduarda Melo, soprano com carreira internacional.

16 de agosto

Nasceu, em Lagos, em 1849, Frederico Guimarães, compositor e professor do Real Conservatório de Lisboa.

Nasceu David Pacetti Correia, organista

17 de agosto

Nasceu Artur Pizarro, pianista português com carreira internacional.

18 de agosto

Morreu, em Lisboa, em 1842, João Domingos Bomtempo, compositor e pianista, filho de Francisco Saverio Buontempo, um dos músicos italianos que vieram a Portugal para o serviço do rei D. José.

Nasceu Cristina Brito da Cruz, pedagoga.

19 de agosto

Nasceu Catarina Távora, violoncelista.

20 de agosto

Nasceu André Matos, guitarra jazz.

21 de agosto

Nasceu, em Lisboa, em 1862, o compositor e diretor de orquestra Luiz Filgueiras.

Nasceu Liliana Sofia Coelho, cantora e professora de canto no Conservatório de Música do Porto.

 22 de agosto

Nasceu José Farinha, guitarra clássica.

23 de agosto

Nasceu Sérgio Azevedo, compositor.

24 de agosto

Nasceu André Mota, baterista.

25 de agosto

Morreu, em Lisboa, em 1742, Carlos Seixas, compositor, organista e pedagogo.

Nasceu Daniel Davis, compositor.

26 de agosto

Nasceu Graça Gandra, violinista da Orquestra Clássica de espinho, diplomada pela ESMAE.

27 de agosto

Mário Santos, saxofone, professor na Escola Superior de Música e Artes do Espetéculo, onde fez a licenciatura.

29 de agosto

Nasceu, em 1907, a pianista portuguesa Florinda Santos, que tocou pelo mundo com as melhores orquestras e maestros.

Nasceu Graça Gandra, violinista da Orquestra Clássica de espinho, diplomada pela ESMAE.

31 de agosto

Morreu, em 2009, Maria de Lourdes Martins, compositora e pianista portuguesa.

Nasceu em Lisboa, em 1941, Emmanuel Nunes, compositor português radicado em Paris, Prémio Pessoa em 2000.

Nasceu o compositor José Luís Ferreira.

José Luís Ferreira
José Luís Ferreira
guitarrista Carlos Paredes

01 de julho

Nasceu, em Lisboa, em 1855, Filipe Duarte, compositor e primeiro regente da orquestra da Real Academia de Amadores de Música.

Nasceu Inês Andrade, pianista.

02 de julho

Nasceu Sofia de Castro, canto.

03 de julho

Nasceu, em Lisboa, em 1850, Alfredo Keil, compositor, autor da música do hino nacional de Portugal.

Nasceu Ana Calheiros, mezzo-soprano.

04 de julho

Nasceu Emídio Costa, maestro, sargento-chefe músico, clarinetista, pai de outro clarinetista, André Costa.

05 de julho

Morreu, em 1983, no Porto, Manuel Faria, compositor, pedagogo, maestro, articulista e conferencista.

Nasceu Nelson Rocha, trompete.

06 de julho

Nasceu em Rande, Felgueiras, Luís de Sousa Rodrigues, padre, compositor, maestro, pedagogo e musicólogo.

Nasceu Sérgio Silva, organista.

Nasceu a flautista Mariana Portovedo.

07 de julho

Foi inaugurado, em 1995, o grande órgão da igreja da Lapa, Porto.

Nasceu Marco Ferreira,  contrabaixista, sargento-mor músico da Banda Sinfónica da GNR

08 de julho

Nasceu Virgílio Caseiro, maestro.

Nasceu Bárbara Barradas, soprano lírico nascida em Lisboa.

Nasceu o cantor Pedro Miguéis.

Nasceu Zé Soares, guitarrista.

Nasceu João Afonso, cantor.

Nasceu Roberto Oliveira, percussionista.

09 de julho

Nasceu na Madeira, em 1937, o barítono lírico José de Freitas, cantor da Companhia Portuguesa de Ópera.

Nasceu Cosme Campinho, professor e diretor de coros diplomado pela Universidade do Minho.

Morreu, em Lisboa, em 2011, Jorge Lima Barreto, músico, musicólogo, compositor, conferencista, improvisador, professor.

Nasceu o pianista António Oliveira.

10 de julho

Nasceu o produtor e musicólogo Tiago Hora.

Nasceu a acordeonista Inês Vaz.

11 de julho

Nasceu Jed Barahal, violoncelista de origem norte-americana e residente em Portugal.

Nasceu o saxofonista Fernando Ramos.

Nasceu o contrabaixista Carlos Bica.

Nasceu a flautista Mafalda Carvalho

12 de julho

Nasceu Paulo Perfeito, professor da ESMAE e investigador do CITAR.

13 de julho

Nasceu Júlia-Miguel Ramos Bernardes, musicóloga.

14 de julho

Nasceu Carlos Alves, Solista A Clarinete na empresa Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música.

15 de julho

Nasceu Helena Romão, pesquisadora – doutoranda no CESEM – Centro de Estudos de Sociologia e Estética Musical.

16 de julho

Nasceu Luís Luis Ribeiro, professor de saxofone e Orquestra de Sopros no Conservatório de Música Calouste Gulbenkian de Braga.

17 de julho

Nasceu, no Porto, em 1939, Pedro Osório, orquestrador, chefe de orquestra, diretor musical, compositor.

Nasceu Nuno Simões, percussionista, professor na EPME, membro Fundador do Duo.pt e do Pulsat Percussion Group, e percussionista da Casa da Música.

18 de julho

Morreu, em 1934, Francisco de Lacerda, maestro e compositor.

Morreu, em Lisboa, em 1988, Joly Braga Santos (Lisboa, 14 de maio de 1924 — Lisboa, 18 de julho de 1988), compositor de música erudita e maestro português.

Nasceu Carlos Barreto, contrabaixista.

19 de julho

Nasceu José Moura, maestro, professor no Instituto Superior de Ciências Educativas, Forum Cultural de Gulpilhares.

20 de julho

Telma Mota, oboista, formada na Artave, ESMAE e Escuela de Música Reina Sofia e UA, membro do Éclatant Ensemble

21 de julho

Ana Maria Pinto, soprano

23 de julho

Nasceu, em Lisboa, em 1920, Amália Rodrigues, por muitos considerada a maior voz portuguesa, por interpretar de um modo único e invulgar o fado.

Nasceu, em Lisboa, em 1944, Maria João Pires, pianista de carreira internacional.

Nasceu Vítor Rua, compositor e guitarrista rock.

Morreu, em Lisboa, em 2004, Carlos Paredes, compositor e um dos grandes guitarristas portugueses.

Morreu, em Lisboa, em 2009, Joaquim Luís Gomes, maestro e orquestrador, nascido em Santarém.

Morreu em Lisboa, em 2019, aos 100 anos, a pianista Helena Matos.

Helena Matos
Helena Matos

24 de julho

Nasceu Alberto Lages, Clarinete e Direção de Orquestra de Sopros.

25 de julho

Nasceu Rui Vieira Nery, professor na Universidade Nova de Lisboa, director do Programa Gulbenkian de Língua e Cultura Portuguesas, doutorado em Musicologia pela Universidade do Texas em Austin.

26 de julho

Nasceu, em Lisboa, em 1906, Armando José Fernandes, compositor português, dos mais representativos da música do século XX português, no movimento modernista.

Nasceu, em Lisboa, em 1971, João Madureira, compositor.

27 de julho

Morreu no Porto, em 1950, Guilhermina Suggia, grande violoncelista.

Morreu, em 2016, Frei Manuel Valença, padre franciscano, musicólogo, organista e compositor.

27 de julho

Nasceu Marco Alves Dos Santos, tenor no TNSC.

28 de julho

Nasceu Teresa Correia, professora na Artave e Universidade do Minho

29 de julho

Nasceu Arnaldo Costa, maestro.

30 de julho

Nasceu Francine Benoît (Périgueux, 30 de julho de 1894 – Lisboa, 27 de janeiro de 1990), compositora, professora, crítica musical e ensaísta naturalizada portuguesa em 1929.

Nasceu Renato Diz, pianista, compositor e produtor nascido no Porto.

31 de julho

Nasceu Guilherme Piedade, baterista jazz.

José Vianna da Motta

01 de junho

Morreu, em Lisboa, em 1948, José Vianna da Motta, pianista e compositor português.

02 de junho

Nasceu o pianista e pedagogo Álvaro Teixeira Lopes.

Nasceu a soprano e maestrina Ana Rute Rei.

03 de junho

Nasceu o violetista Pedro Meireles.

04 de junho

Nasceu o cantor Jorge Palma.

Nasceu o violoncelista e maestro Bruno Borralhinho.

Nasceu o pianista Sérgio Garcia.

05 de junho

Nasceu, em Lisboa, em 1850, o compositor e professor do Conservatório Real de Lisboa Thomaz del Negro.

Nasceu o percussionista Pedro Carneiro.

Nasceu a pianista Raquel Cunha.

07 de junho

Nasceu o clarinetista José Morgado.

Nasceu a cantora Ana Cosme.

08 de junho

Nasceu o pedagogo Paulo Lameiro.

Nasceu o percussionista Pedro Segundo.

Morreu, na Maia, em 1989, Eurico Tomás de Lima, pianista, pedagogo e compositor português.

09 de junho

Nasceu Pedro Andrade, violinista e diretor de orquestra.

10 de junho

Nasceu, em Faro, Júlio Resende, músico, pianista e compositor português.

Nasceu o violinista Luís Pacheco Cunha.

Nasceu a violoncelista Catarina Ferreira.

11 de junho

Nasceu, em Coimbra, em 1704, Carlos Seixas, compositor, organista e pedagogo.

Nasceu, em Lisboa, em 1854, Cunha e Silva, violoncelista, professor do Real Conservatório de Lisboa, músico de Real Câmara e da Sé Patriarcal.

Morreu, em Lisboa, em 1999, Natércia Couto, diretora de várias orquestras em Portugal e no estrangeiro.

Nasceu, na República Dominicana, Inês Thomas Almeida, cantora lírica

13 de junho

Morreu, em Lisboa, em 1993, Hermínia Silva, fadista e actriz de revista e cinema.

Nasceu em 1981, em Santa Maria da Feira, Daniel Dias, trombone de vara.

14 de junho

Nasceu Ricardo Alves, trompa.

15 de junho

Nasceu, no Dafundo, em 1928, Alain Oluman, compositor de alguns dos maiores sucessos de Amália.

Nasceu Adriana Oliveira, saxofone.

16 de junho

Nasceu, em 1927, em Lisboa, Águeda Sena, bailarina e coreógrafa, pioneira da dança em Portugal.

Nasceu Luzia Vieira, contrabaixista portuguesa.

17 de junho

Nasceu, em Pocariça, Cantanhede, em 1897, António Fragoso, compositor, musicólogo e pianista.

compositor António Fragoso
António Fragoso

Nasceu Nuno Jacinto, compositor,  professor, maestro e regular comentador de concertos.

Nasceu a organista Marília Canhoto.

18 de junho

Nasceu Luísa Barriga, canto lírico.

19 de junho

Nasceu Hugo Alves, trompetista jazz.

Nasceu o fadista Nuno da Câmara Pereira.

20 de junho

Nasceu Bruna Domingues, contrabaixista.

Inauguração, em 2015, das instalações da Academia de Música de Almada.

Nasceu o trompetista e maestro Sérgio Carvalho.

Nasceu Sérgio Silva Neves.

21 de junho

Dia Europeu da Música

Nasceu em 1988, em Angra do Heroísmo, Ilha Terceira, Açores, Ruben Bettencourt, guitarra clássica.

22 de junho

Nasceu José Corvelo, barítono.

24 de junho

Nasceu, em Cascais, em 1970, Bernardo Sassetti, compositor e pianista português.

Nasceu Luís Norberto Silva, violetista.

25 de junho

Nasceu Maria Luísa de Freitas, meio-soprano.

26 de junho

Nasceu, em 1986, Nuno da Rocha, compositor.

27 de junho

Nasceu no Porto, em 1885, Guilhermina Suggia, grande violoncelista.

Morreu, em Lisboa, em 1990, Francine Benoit, professora e pianista nascida em França.

Morreu, em Lisboa, em 2015, a compositora, pianista e diretora de orquestra Elvira de Freitas, filha de Frederico de Freitas.

28 de junho

Nasceu Clara Gomes, violinista.

29 de junho

Nasceu Inês Delgado, violinista.

30 de junho

É inaugurado pela Rainha D. Maria I o Teatro Nacional de São Carlos, a 30 de junho de 1793.

Morreu, em Lisboa, em 1995, Jorge Peixinho, compositor, pedagogo e maestro.

Nasceu Jorge Carvalho Alves, maestro.

pianista Helena Sá e Costa

01 de maio

Dia Internacional da Tuba.

Nasceu o cantor Paco Bandeira.

Nasceu a oboísta Ana Filipa Assunção.

Nasceu, em 1993, a soprano Andrea Conangla Fernandes.

03 de maio

Morreu, em Lisboa, em 1983, Armando José Fernandes, compositor português, dos mais representativos da música do século XX português, no movimento modernista.

04 de maio

Nasceu, no Porto, em 1917, Leonor de Sousa Prado, violinista e pedagoga, uma das maiores violinistas e pedagogas portuguesas.

05 de maio

Morreu, em Lisboa, em 1986, Ruy Coelho, compositor, maestro e dinamizador da ópera em Portugal.

06 de maio

Dia Mundial do Acordeão

07 de maio

Nasceu, em Turim, em 1914, a pianista italo-portuguesa Nella Maissa, que desenvolveu uma longa carreira dedicada à atividade de concertista.

Nasceu, em Lisboa, em 1928, Vicente da Câmara, poeta e fadista.

10 de maio

Nasceu Mário Carreira, guitarrista.

Nasceu o violinista Sérgio Crisóstomo.

Nasceu a violoncelista Vanessa Pires, em 1980.

Nasceu a harpista Zita Silva.

Morreu, na Praia do Albano, Alcabideche, Cascais, em 2012, Bernardo Sassetti, compositor e pianista português.

11 de maio

Nasceu, na Ilha de São Jorge, Açores, em 1869, Francisco de Lacerda, maestro e compositor.

Nasceu em Queluz, em 1930, Clotilde Rosa, compositora, pedagoga, pianista e harpista.

Clotilde Rosa
compositora Clotilde Rosa

12 de maio

Morreu, no Rio de Janeiro, Brasil, em 1925, Artur Napoleão, pianista, compositor, editor e professor nascido no Porto.

Morreu, em Lisboa, em 1992, Carl Macario Santiago Kastner, instrumentista, professor, crítico musical, investigador em Música Antiga.

Nasceu a oboísta Fernanda Amorim.

13 de maio

Morreu, em 1966, Mário de Sampayo Ribeiro, importante musicólogo, pedagogo, crítico de música, regente coral e compositor português.

Nasceu a violinista Raquel Cravino.

14 de maio

Nasceu, em Lisboa, em 1707, António Teixeira, compositor de música sacra, cantatas e óperas.

Nasceu, em Lisboa, em 1924, Joly Braga Santos, compositor de música erudita e maestro português.

Nasceu o violetista e maestro Amadeu Resendes.

Nasceu a violinista Lígia Vareiro.

15 de maio

Nasceu o flautista Herlander Sousa.

Nasceu a percussionista Fátima Juvandes.

Nasceu o violagambista Xurxo Varela.

Nasceu o trompista Hugo Carneiro.

Nasceu a cravista Sofia Nereida.

17 de maio

Nasceu o maestro Cesário Costa.

Nasceu a violoncelista Sónia Amorim.

18 de maio

Nasceu, em Lisboa, em 1935, Manuel Ivo Cruz, maestro, diretor do Teatro Nacional de São Carlos.

19 de maio

Nasceu, em Corumbá, Brasil, em 1901, Manuel Ivo Cruz, compositor, músico e professor de música que se destacou como fundador da Orquestra Filarmónica de Lisboa.

No Porto, em 2000, foi inaugurado o Teatro Helena Sá e Costa, propriedade do Instituto Politécnico do Porto (IPP).

Faleceu, na Suiça, em 2019, o oboísta Samuel Bastos (1987-2019).

21 de maio

Nasceu, em Lisboa, em 1937, Manuel Jorge Veloso, músico, compositor e crítico.

Nasceu, em Lisboa, em 1940, António Victorino d’Almeida, compositor, maestro, escritor e pianista.

Nasceu, no Porto, em 1956, João-Heitor Rigaud, compositor e pedagogo.

Nasceu o compositor Nuno Peixoto de Pinho.

Nasceu a soprano Eva Braga Simões.

Faleceu, em 2019, a compositora, pianistas e pedagoga Marina Pikoul, nascida na Rússia.

22 de maio

Nasceu a pianista Eugénia Moura.

23 de maio

Nasceu o pianista José Bon de Sousa.

Nasceu o acordeonista José Valente.

24 de maio

Nasceu a clarinetista Mafalda Lopes.

25 de maio

Nasceu no Porto, em 1942, José Mário Branco, cantautor, que faleceria a 19 de novembro de 2019.

Nasceu, em 1967, o maestro Alberto Roque.

Nasceu, em 1995, a flautista Ana Ferraz.

Nasceu a soprano madeirense Mariana Pimenta.

26 de maio

Nasceu, no Porto, em 1913, Helena Sá e Costa, pianista, concertista e professora.

Nasceu, em Lisboa, em 1926, Maria de Lourdes Martins, compositora e pianista portuguesa.

Nasceu, em 1966, o oboísta Francisco Luís Vieira.

Nasceu o flautista Manuel Luís Cochofel.

Nasceu, em 1971, Jacinta, cantora de jazz.

Nasceu Pedro Teixeira, maestro.

27 de maio

Nasceu a soprano Helena Carvalho Pereira.

28 de maio

Morreu, em 2016, o poeta e fadista português Vicente da Câmara.

29 de maio

Nasceu o tenor de carreira internacional Paulo Ferreira.