Artigos

Bairrada

Vira Bairrês

Oh Bairrada, oh Bairrada,
Terra da minha Paixão,
Onde eu tenho os meus amores!
Ninguém me diga que não!
Terra da minha Paixão!

Corri Arcos e Três Arcos,
Famalicão, Anadia…
Ao cruzeiro de Sangalhos
Fui encontrar quem eu queria.
Famalicão, Anadia…

Almas Santas da Areosa,
Dizei-me onde morais
Entre Aguada e Vidoeiro,
No meio dos pinheirais!
Dizei-me onde morais!

Letra e música: Tradicional (Bairrada, Beira Litoral)
Arranjo: Luís Fernandes
Intérprete: Toques do Caramulo (in CD “Mexe!”, d’Eurídice/d’Orfeu Associação Cultural, 2016)

Bairrada
Bairrada