Artigos

Esquilo comendo maçaroca

Rei da Selva

Esta musicatividade promove competências nas áreas do Português e do Estudo do Meio. Melhora a expressividade, a leitura e o ritmo. A criança pode praticar sozinha, mas será mais divertido se a realizar à maneira de jogo, com um primo, irmão, pai ou mãe.

Clica AQUI para aprenderes a melodia.

Entre os animais da selva
há um lobo a uivar;
será rei dos animais
quem melhor o imitar.

[ A criança imita o uivar do lobo: aú! ]

Entre os animais da selva
há um macaco a coçar;
será rei dos animais
quem melhor o imitar.

[ A criança coça-se. ]

Entre os animais da selva
há uma cobra a assobiar;
será rei dos animais
quem melhor a imitar.

[ A criança move-se e sibila como a cobra. ]

Entre os animais da selva
há um lagarto a rastejar.
Será rei dos animais
quem melhor o imitar.

[ A criança imita o andar rastejante do lagarto. ]

Entre os animais da selva
há uma hiena a gargalhar.
Será rei dos animais
quem melhor a imitar.

[ A criança dá uma gargalhada como a hiena ]

[ António José Ferreira ]

Musicatividades

1. Lê uma quadra.

2. Lê de dois em dois versos, e a quadra completa.

3. Canta com a melodia de “Estava na floresta um lobo a uivar” e imita cada animal referido.

Explore e adquira edições Meloteca com texto e partitura AQUI.

Esquilo comendo maçaroca

Esquilo comendo maçaroca

Chita saltando

Ouve a melodia AQUI.

Animais que saltam

Salta o lobo e a raposa,
mais ainda o canguru.
Salta o gato, o leopardo,
salta a pulga. Saltas tu?

Raposa saltando

Salta a chita e o lemur,
salta o gerbo e o koala.
Salta o esquilo e a lebre.
Também salta a impala!

Lemur saltando

Salta a cabra da montanha
sem ter medo de arriscar.
Começou em pequenina
a dar saltos de brincar.

Cabra bebé saltando

Salta o puma e o macaco,
salta o tigre e o leão.
Salta a cabra e a gazela,
mas o elefante não.

Gazela saltando

[ António José Ferreira ]

Musicatividades

1. Lê o poema seguido.

2. Dos animais referidos, quantos conheces? Queres pesquisar os que te são desconhecidos?

3. Lê dois versos de cada vez, em andamento moderado; depois diz de cor (de memória). Lê cada quadra inteira; depois, di-la de cor.

Explore e adquira edições Meloteca com texto e partitura AQUI

Menino regando

Explora sons e sente a natureza

Nesta unidade, a criança toma consciência do meio sonoro em que vive, ouvindo e sentindo com o tacto (e recitando ou cantando).

1. Sons do meio

Conduza o seu filho para o local da casa onde pode ouvir sentir mais a natureza, brisa suave, abelhas a zunir, rolas, pardais e grilos a cantar. Carros a passar e cães a ladrar não é mas pode servir para a criança tomar consciência do meio.

Está na nossa horta
um pássaro a cantar.
Não quero assustá-lo
pois gosto de escutar.

É bom estar sentado
e a brisa a passar.
Havemos de ir à praia
quando o verão chegar!

O adulto canta com a melodia de “Estava na floresta”. A criança acompanha com gestos. O toque e a ação do adulto tem um papel tanto mais importante quando a criança tiver limitações em termos psicomotores.

2. Copos de água

Coloque três copos de vidro iguais em cima da mesa. Encha o primeiro, coloque água no segundo até um pouco mais de meio, deixe o terceiro vazio. Se possível, é a criança que o faz. Coloque-os à sua frente, um à frente do outro (cheio, meio, vazio). Pegue uma colher de pau e toque sabendo que estão por ordem do grave para o agudo. Crie melodias suaves para a criança, se ela não o conseguir fazer.

3. Pingue pongue

Na banca da cozinha, coloque uma bacia com água até meio. Ligue a torneira de modo que caia gota a gota. Ficam a ouvir o som das gotas e de que modo se alteram. Quando conseguir fazê-lo, a criança regula o fluxo da torneira de modo a pingar ou jorrar.

4. Sibilar de serpente

4. O adulto coloca arroz dentro de um frasco de iogurte vazio, ou outro recipiente. A criança sentirá a textura do arroz e, se possível, ajudará a colocar. A própria criança (ou o adulto) agitarão a maraca reciclada de modo a imitarem o som de uma serpente. (Se a criança tiver tendência para enroscar/desenroscar, coloque só dois ou três feijões.)

5. Canção de rega

Hoje está tão quente,
pega a regador.
Vai regar as plantas.
Rega, por favor.

Quando cai a chuva,
rega a minha flor.
Vou fazer um ramo
para o meu amor.

Cante com a melodia de “Rio Mira vai cheio”. Dê um regador à criança e ensine-a a regar uma planta. Ou regue com a mangueira e ajude o seu filho a sentir a frescura e o som da água a cair no solo ou contra uma superfície dura. Se tiver condições, ensine a criança a tirar ervas daninhas.

António José Ferreira

Explore e adquira edições Meloteca com texto e partitura AQUI.

Gonçalo regando
Mar e búzio

O som da água

O som da água
quando a toco na bacia
faz-me sentir
uma secreta alegria.

O som da água
quando cai na banheira
faz relaxar
o meu corpo da canseira.

O som do mar,
quando recua e avança,
faz-me tentar
uma verdadeira dança.

O som da chuva,
quando cai no meu telhado,
faz-me pensar
como é bom estar deitado.

O som da neve,
quando avanço em cima dela
faz-me lembrar
que pode ser fria e bela.

[ António José Ferreira ]

Musicatividades

1. Coloca três copos de vidro iguais em cima da mesa. Enche o primeiro, põe água no segundo até um pouco mais de meio, deixa o terceiro vazio. Coloca-os à tua frente, um à frente do outro (cheio, meio, vazio). Pega uma colher de pau e toca sabendo que estão por ordem do grave para o agudo. Cria melodias suaves.

2. Na banca da cozinha, coloca uma bacia e põe água até meio. Liga a torneira de modo que caia gota a gota e ouve o som das gotas e de que modo se alteram.

3. Com a ajuda de um adulto, professor ou familiar, faz um pau de chuva e utiliza-o em introdução e conclusão do poema.

4. O adulto coloca arroz dentro de um frasco de iogurte vazio, ou outro recipiente. A criança sentirá a textura do arroz e, se possível, ajudará a colocar. A própria criança (ou o adulto) agitarão a maraca reciclada de modo a imitarem o som do mar, ondas mais fortes ou ondas mais fracas.

5. Acompanha com pulsação em quatro níveis corporais, um por cada verso, por exemplo: palmas, mãos no peito, mãos nas pernas, pés no chão.

[ Esta musicatividade pode ser realizada também no contexto de Música em Atividades de Enriquecimento Curricular ]

Mar e búzio
Mar e búzio