Silêncio

SONS DE PESSOAS

Aaatxim!
espirro

Aaaaiiii
dor

Ah ah ah!
gargalhada

Ã-hã
assentimento

Ahn!
soluço, tristeza

Ahn?
estranheza

Ai!
dor

Bah! 
desagrado

Blablabla
conversa fiada

Brr!
sensação de frio

Buá! 
choro

Burp!
arroto

Chiu!
pedido de silêncio

Chop! tchap! tchape! tchope! 
chapinhar, chafurdar na lama

Clap clap!
palmas

Coff coff
tosse

Croc! 
mastigar torradas

Ding dong
tocar à campainha

Fiu fiu
assobio

Grrr!
raiva

Glub! glub!
pessoa bebendo água

He! he! he! eh! 
risinho de satisfação

Hic hic!
soluços

Ih! ih! ih! ih!,
risinho

Nham nham
delicioso

Nhem-hem-hem
resmungos

Nhoc nhoc
mastigando

Oh oh oh!
riso

Pá!
caiu

Pffft
cuspir

Puf!
cansaço

Ronc! Ronc!
ronco

Shhhhh!
pedido para fazer silêncio

Splash
pessoa caindo na água

Swish!
pistola de água

Tchantchantchantchan!
surpresa

Tchuf! 
Esguicho de água

Telim!
brinde com dois copos

To-bom, to-bom
coração (normal)

Toc toc
bater à porta

Toing!
paulada na cabeça

Tró-ló-ló
conversa fiada

Tsk tss tss
risadinha entre os dentes

Tuc tuc tuc tuc
coração apressado, assustado

Uf!
cansaço

Ufa!
alívio

Ui!
grito de alguém que é picado

Ui ui!
Diz-se a uma pessoa bonita quando passa

Ups!
algo está errado

Uuu!
vaia

Na banda desenhada, as onomatopeias têm um lugar destacado e, aliadas às imagens, provocam nos leitores sensações e sentimentos muito diversos.

Também na poesia e na prosa as onomatopeias aparecerem regularmente.

SUGESTÕES PEDAGÓGICAS

O professor propõe um gesto, o indicador em frente dos lábios, por exemplo, e a turma toda faz o som respetivo.

Depois acrescenta o gesto de bater à porta, e a turma responderá com a onomatopeia.

Em seguida, o punho a bater apressadamente junto ao coração.

Depois, o gesto de quando se tosse, e todos reagem.

Após algumas experiências com quatro destas ou outras onomatopeias, o professor cria uma pequena peça musical com diferentes grupos.

Quando a turma estiver segura, pode fazer um cânone a duas vozes.

Silêncio

Silêncio!

0 comentários

Deixe um comentário

Quer participar?
Deixe a sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *