Vera Silva canto

Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Vera Silva

Canto

Vera Silva ingressou em 2000 no Conservatório Regional de Coimbra, onde estudou piano e canto com as professoras Tatiana Malguiná e Mariana Fidalgo, respectivamente.

Licenciada em Canto pela Universidade de Aveiro, sob a orientação de Isabel Alcobia, concluiu no ano lectivo 2011-2012 também neste estabelecimento o mestrado em Ensino de Música, na área específica de Canto, com média final de curso de 17 valores.

Fez classes de aperfeiçoamento vocal com João Lourenço, Patrícia Macmahon, Claire Vangelisti, Isabel Alcobia, Magna Ferreira, Tom Krause, Susan Waters, Pierre Mak, Ulrike Sonntag, entre outros. Integrou o Estúdio de Ópera 2011 do Teatro Nacional de São Carlos. Estudou regularmente com Pierre Mak entre 2013 e 2017.

Em ópera foi Vénus em Orfeu nos Infernos, Romilda em Xerxes, João em A Casinha de Chocolate, versão portuguesa da ópera Hänsel und Gretel, 1a Dama em Die Zauberflöte, Madame Herz em Der Schauspieldirecktor, Serpina em La Serva Padrona, Isabel em A Floresta, Frasquita em Carmen, entre outras.

Em oratória cantou a solo a 4a cantata da oratória de Natal e a cantata 51 “Jauchzet Gott in allen Landen” de Bach, “Laudate Dominum” de Delalande, “Te Deum” de Charpentier, “Sub tuum praesidium” “Regina Coeli, KV.108” e “Exsultate Jubilate” de Mozart, “Nulla in mundo pax sincera”, “Laudate Pueri, RV601” e “Gloria” de Vivaldi, e “Stabat Mater” de Pergolesi, “Die Schöpfung” de Haydn e “Ein Deustches Requiem” de Brahms.

Enquanto coralista trabalhou com o Coro Aeminium, e com o Coro Regina Caeli. Integrou o Coro da Casa da Música (formação sinfónica).

Vera Silva trabalhou com vários encenadores e maestros dos quais se destacam Carleen Graham, Mário Moutinho, André e.Teodósio, Claudio Hochman, Andrew Bisantz, António Vassalo Lourenço, António Saiote, Luís Carvalho, Leandro Alves, Charles Toet e Christoph König. Apresentou-se a solo com a Orquestra Camerata Antiqua, Orquestra de Cordas do Conservatório de Música de Coimbra, Orquestra do XI Curso de Música Antiga, Orquestra Filarmonia das Beiras, Orquestra Clássica do Centro e com o coro Hart Male Voice Choir. Integrou o Coro da Casa da Música (formação sinfónica).

Iniciou a sua prática pedagógica no ano letivo de 2009-2010 tendo leccionado canto e coro na Academia de Artes de Chaves, na Escola de Artes SAMP, e no Conservatório de Música de Coimbra. Foi maestrina do Coro SAMP, do Grupo Coral Espranjar, e do Coro Infantil Schola Cantorum Pastorinhos de Fátima. É maestrina do Coro Infantil de Santiago de Litém desde a sua fundação, em Outubro de 2009. A criação deste coro levou ao surgimento da Escola de Música da União de Freguesias de Santiago e São Simão de Litém e Albergaria dos Doze em 2014.

Atualmente é professora de canto e coro na Escola de Música da União das Freguesias de Santiago e São Simão de Litém e Albergaria dos Doze, da qual foi fundadora em Setembro de 2014, e professora de coro do Conservatório de Música de Coimbra. É ensaiadora de naipe do Coro Sinfónico Inês de Castro. É maestrina dos coros infantil e Juvenil de Condeixa-a-Nova, projeto que fundou em fevereiro de 2018.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook