Terra Quente

Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Terra Quente

Agrupamento

Após uma quarentena de experiências, Terra Quente estreou-se em setembro de 2020, tendo nascido da cumplicidade musical de quatro músicos, com vontade de (re)criar a música pela qual têm sido influenciados ao longo das suas vidas.

Numa formação em quarteto: voz, guitarra portuguesa, guitarra clássica e percussão, procuram ambientes e sonoridades distintas, sem perder o carácter original do repertório explorado.

Apesar de uma formação de vertente clássica, partilham a mesma paixão pela música portuguesa, a tradição do fado e todas as músicas de raiz tradicional do mundo.

Os arranjos reflectem as vivências musicais de cada um dos elementos, já que as suas origens são diversas, sendo o grupo inspirado pela sonoridade da guitarra portuguesa e pelos ritmos brasileiros provenientes das transferências culturais entre Portugal e Brasil.

Focando-se maioritariamente em vários eixos da composição da música portuguesa, abordam, para além de compositores consagrados como Alain Oulman, João Loio, Carlos Paredes, Zeca Afonso e Sérgio Godinho, o que os leva a navegar pelo fado tradicional e o fado canção, compositores como Alceu Valença, Pxinguinha, Yamandu Costa, Ariel Ramirez, entre outros.

Terra Quente, pretende dar ao público a diversidade inerente a vários géneros musicais, levando-o a transpor fronteiras através de uma experiência sonora única.

Bio facultada por Ana Barros, publicada na Meloteca a 03 de julho de 2021.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook