Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Sofia Lourenço

Piano

Pianista nascida no Porto em 1966, Sofia Lourenço alia a sua actividade concertística a solo e na Música de Câmara, à docência de piano, na Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo do Instituto Politécnico do Porto. Esta vivência plurifacetada tem-lhe permitido um aprofundamento na arte da performance pianística, através da investigação da complexa coexistência de vários factores, da tradição e da renovação.

Tem executado recitais, em projectos artísticos, a solo e em parceria, no domínio da Literatura, nomeadamente no vídeo “Eça de Queiroz: Realidade e Ficção” (Ed. Instituto Camões, 2000), onde assegurou a participação musical (Carlos Seixas, J. S. Bach, F. Chopin, F. Schubert); igualmente com os escritores Mário Cláudio, “30 Anos de Trabalho Literário”, Letras em Trânsito-Porto 2001 – Vasco Graça Moura, 35 Anos de Trabalho Literário e com o actor António Durães “O piano na obra poética de Jorge de Sena”, em diversas salas de concerto, como o Museu Gulbenkian, Europarque, Teatro Rivoli, Fund. Eng.º António de Almeida, Salão Árabe do Palácio da Bolsa e no Centre Culturel Calouste Gulbenkian, em Paris.

Foi solista com a Orquestra Nacional do Porto, sob a direcção do maestro José Luís Rodilla, e com a Orquestra do Norte, sob a direcção do maestro Ferreira Lobo.

Diplomada pelo Conservatório de Música do Porto, é igualmente licenciada em Línguas e Literaturas Modernas (Estudos Ingleses e Alemães) pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto. Obteve na Hochschule der Künste Berlin (Escola Superior das Artes de Berlim), o Diploma Superior Artístico de Solista de Piano (Künstlerische Abschlubprüfung Klavier), tendo sido nesta academia bolseira da Fundação Calouste Gulbenkian, durante 4 anos (1987-1991). Foi discípula da grande pianista Helena Costa, em Portugal, durante 10 anos, e, na Alemanha, dos pianistas Georg Sava e Laszlo Simon. Além de vários prémios, de gravações para a RTP e RDP, recebeu a orientação de grandes mestres, em diversos países da Europa, como Sequeira Costa, Carlos Cebro, Alicia de Larrocha, Gyorgy Sebok e também de Vitaly Margulis, cuja direcção pedagógica muito a influenciou e com quem mantem contactos frequentes.

Gravou em 1999 o CD “COMPOSITORES PORTUGUESES CONTEMPORÂNEOS – piano solo” (Editora Numérica), com obras de Vianna da Motta, Luiz Costa, Berta Alves de Souza, Maria Teresa Macedo, F. Lopes-Graça, Filipe Pires, Álvaro Salazar e Carlos Azevedo. Em 2003 editou igualmente a solo “D. BOMTEMPO & CARLOS SEIXAS Estudos e Toccatas” (Editora Numérica). Obteve o grau de Mestre reconhecido pela Universidade Nova de Lisboa em 1997. Actualmente efectua estudos de Doutoramento na Universidade de Évora, sob a orientação de Rui Vieira Nery e Ulrich Mahlert (Universität der Künste Berlin).