Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Ricardo Coelho

Vibrafone

Natural do Porto, Ricardo Coelho (1990) cresceu no contexto musical da Igreja.

O seu percurso académico iniciou-se aos 4 anos de idade, na Escola de Música Valentim de Carvalho, estudando piano e bateria.

Concluiu o curso de Percussão no Conservatório de Música do Porto e, posteriormente, ingressou na Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo (ESMAE) onde se licenciou em Vibraphone Jazz após ter frequentado a licenciatura em Percussão.

Como performer (bateria, percussão e vibraphone) é membro integrante de projetos musicais de diferentes raízes, tais como MINA, Capicua, Diana Martínez & the Crib, EduMundo, Rui Vilhena & os Aliados, The Mantra of the pHat-Lotus (Mané Fernandes), O Grilo e a Longifolia, Renato Mont Trio, (ALTA)MENTE e líder do seu próprio grupo, Ricardo Coelho Quartet.

Tem-se apresentado em concerto nos seguintes países: Alemanha, Bélgica, Egipto, Espanha, França, Israel, Palestina, Portugal e Tunísia.

Colaborou ainda com a Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, Orquestra do Norte, Orquestra Filarmonia das Beiras, Orquestra Sine Nomine, Orquestra da Fundação do Conservatório Regional de Gaia, Orquestra Momentum Perpetuum, OJ.COM, Fundação Orquestra Estúdio, Banda Sinfónica Portuguesa e Ensemble Vocal Pro Música.

Entre outros prémios, destacam-se o 3.º lugar, categoria Combo Jazz, no Prémio Jovens Músicos 2016; a Menção Honrosa de Melhor Instrumentista na 11ª Festa do Jazz do São Luiz (2013); o 2º lugar (1º não atribuído) na categoria Vibrafone na 6ª edição da “Giornate della Percussione” (Itália, 2008) e o 1º lugar no concurso “Tum-pa-Tum-pa” (2007), nas categorias de Bateria e Snare Drum.

2017

[ Músicos naturais do Porto ]
Partilhe
Share on Facebook
Facebook