Rancho Folclórico As Moleirinhas de Marinhas

  • Morada

  • Telefone

    (+ 00 351)

  • E-mail

  • Descrição

    Valência do Centro Social da Juventude Unida de Marinhas, o Rancho Folclórico “As Moleirinhas” de Marinhas foi fundado em 1982, inspirado nas “moleirinhas” – pessoas que outrora se dedicavam exclusivamente à moagem. Os primeiros tempos deste rancho foram, em larga medida, marcados pela recolha de músicas, letras, e vestuários alusivos à forma de vida e de trabalho das “moleirinhas”. Nas suas danças, o rancho recorda as tradições da moagem e o espírito desses momentos. Com a primeira atuação pública em 14 de novembro de 1982, rapidamente as “Moleirinhas” de Marinhas se deram a conhecer em Portugal e além fronteiras, sendo a primeira digressão internacional datada de 1990. Em 1998, após a gravação de dois trabalhos, em cassete, o rancho vive um momento alto, aquando da gravação do seu primeiro CD, facto que adquire um particular significado por se traduzir no culminar de um sonho. Em 1999 surgiu um novo projeto que visa a preservação e divulgação desta tradição, nascendo assim o Rancho Infantil “As Moleirinhas” de Marinhas. O rancho possui cerca de 50 elementos. O rancho tem sido, ao longo de 33 anos, um bastião dinamizador dos usos e costumes da localidade de Marinhas. Percorreu o país, incluindo as regiões autónomas da Madeira e Açores. A nível internacional atuou na Bélgica, França e Espanha. Costuma cantar as Janeiras, participar em festas religiosas, festivais folclóricos e realizar o ciclo do pão, desde a apanha do milho, passando pela moagem à confeção. Ao nível da tocata, são utilizados cavaquinho, concertina, viola, reco-reco, bombo, ferrinhos e pandeireta. O rancho possui trajes oriundos do Minho, tais como o traje de trabalho (conhecido como traje do campo), traje domingueiro (o mais rico), traje de moleiros (era pobre, mas cómodo), traje de cerimónia (feito com tecidos finos). As suas danças tradicionais são o Malhão, o Vira, a Vareira e o Regadinho.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook