Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Pedro Carneiro

Percussão

Pedro Carneiro é um dos músicos mais dinâmicos e originais da sua geração. Já tocou em estreia absoluta mais de 30 obras e trabalha regularmente com um leque variado de prestigiados instrumentistas e compositores.

Estudou percussão, composição e direcção de orquestra no Guildhall School of Music and Drama, em Londres, onde terminou a sua licenciatura em 1997, com a distinção Head of Department Award. Foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian e do Centre Acanthes.

Em 1997 foi o vencedor do Prémio Jovens Músicos e do Prémio Maestro Silva Pereira. Em 1998 foi o vencedor do Park Lane Young Artists Auditions, tornando-se o primeiro percussionista – nos 43 anos do concurso – a abrir a prestigiada série de recitais no South Bank Centre de Londres. Estreou-se aos 14 anos de idade – num recital onde interpretou, de memória, Psappha de Xenakis – e desde então tem-se apresentado regularmente como solista em algumas das mais prestigiadas salas e festivais, destacando-se o Festival Nieuw Musik (Holanda), o Festival d’ Avignon e a Cité de la Musique (França), os Concertos Promenade da BBC e o Rhythmsticks Festival no Queen Elizabeth Hall (Londres), o Festival Internacional de Música de Macau e o Capital Theatre de Pequim, entre muitos outros. Pedro Carneiro apresentou também palestras e orientou cursos de aperfeiçoamento nas Escolas Superiores de Música de Lisboa e Porto, na Universidade de Aveiro, na Guildhall School of Music and Drama, no Royal College of Music e na Hong Kong Academy of Performing Arts.

Como compositor destacam-se Postcards, para tenor ”rock” e piano e o ciclo instrumental ”…e todo eu me alevanto e todo eu ardo” , sobre poemas de Sebastião da Gama. Na temporada 1999-2000, destacam-se recitais no South Bank Centre, em Londres, e nas Jorneés de la Percussion, em Paris, entre outros recitais e concertos em Lisboa, Porto, Londres, Paris, Sevilha, Hanôver, Hamburgo e Zagreb. Pedro Carneiro realiza também gravações para a BBC e Radio-France, para além da gravação, para a etiqueta Strauss, de um CD composto por obras de compositores Portugueses para marimba solo.

Nas próximas temporadas destacam-se as estreias de obras concertantes – escritas especialmente para Pedro Carneiro – de Gavin Bryars, Toshio Hosokawa, Ian Wilson e Erkki-Sven Tüür, sendo as respectivas estreias nacionais efectuadas na Europa, Ásia, Estados Unidos e Austrália, com várias orquestras e agrupamentos instrumentais de renome.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook