Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Paulo Silva

Órgão

Paulo Silva nasceu em 1976 no Porto.

Licenciado em Música Sacra pela Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa, aí estudou Órgão e Improvisação com G. Di Rosa, M. Bernreuther, J. Blasby e F. Lerndhorfher, Direcção de Coros com J. Matta, E. Amorim e J. Straube e Direcção de Orquestra com Cesário Costa.

Foi o 1º organista português a actuar na Casa da Música com dois concertos a solo em 2007 e 2008 e a da sua actividade como concertista a solo destacam-se ainda diversos recitais e concertos de órgão e piano, em Portugal e em Espanha.

Foi organista na Igreja da Lapa e na Sé do Porto desde 1996 até 2007. Inaugurou o Órgão Histórico da Igreja de S. Francisco em 2002, após restauro, bem como o Órgão da Igreja de Esposende, em 2004.

Tem acompanhado diversos cantores, orquestras, coros e agrupamentos de Música de Câmara, dos quais se destacam a Orquestra Sine Nomine, o Coro Polifónico e o agrupamento Porto Galante da Igreja da Lapa, Orquestra da E. P. de Espinho, Coro e Orquestra da Escola de Música de Viana. Tocou sob a batuta de vários maestros, entre eles Cesário Costa e Ferreira dos Santos.

Como maestro, dirigiu entre outras obras o Magnificat de Buxtehude, os Quatro Motetes de Duruflé, a Pavane de Fauré e, em estreia nacional, o Gloria, de Händel e obras da sua autoria.

Participou em classes de aperfeiçoamento, nomeadamente sobre Música de Órgão francesa com o organista Olivier Latry (Organista titular de Notre-Dame em Paris) e frequentou conferências sobre Canto Gregoriano, Música e Arte.

Exerceu funções de Director Musical e professor no Centro Paroquial do Santíssimo Sacramento, Porto. Foi professor de Coro e de Direcção Coral na Escola Diocesana (EDML) do Centro de Cultura Católica (Porto) e Pianista acompanhador na Escola de Música de Perosinho.

Neste momento lecciona Órgão e Formação Musical no Conservatório de Música da Madeira e mantém paralelamente uma actividade de concertista como organista e como acompanhador, trabalhando regularmente com a soprano Maria João Pereira.

Desde 2007 faz parte do Secretariado Diocesano de Liturgia da Madeira.

Foi convidado pelo mestre organeiro Dinarte Machado e pela DRAC para assumir o cargo de Organista Titular do Grande Órgão da Igreja do Colégio no Funchal (11/2008).

Músicos naturais do Porto
Partilhe
Share on Facebook
Facebook