Nuno Silva clarinete

Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Nuno Silva

Clarinete

Nuno Silva estudou com António Saiote, Hans Deinzer, Pascal Moragués e Hakan Rosengren. É diplomado em clarinete pelo Conservatório Nacional, ESMAE e California State University, onde obteve um mestrado com classificação máxima a todas as disciplinas.

Estes resultados académicos valeram-lhe o convite para membro da prestigiosa organização americana Phi Kappa Phi Honors Society.

Em 2001 licenciou-se em Ciências Musicais na Universidade Nova de Lisboa.

Em 2013 foi-lhe atribuído o «Estatuto de Especialista» e encontra-se atualmente a frequentar o programa de doutoramento na Universidade de Évora.

Foi vencedor dos concursos nacionais de maior importância, incluindo o 1.º Prémio de Clarinete e Música de Câmara da Juventude Musical Portuguesa em 1988, o 1.º Prémio no Concurso Nacional de Clarinete de Setúbal em 1989, o 1.º Prémio de Clarinete e Música de Câmara (nível superior) no Prémio Jovens Músicos em 1991, o 1.º Prémio no Concurso Jovens Solistas em 1992 e o 1. º Prémio no Concurso Cultura e Desenvolvimento em 1996. Nuno Silva foi também distinguido em concursos internacionais. Foi semi-finalista do Concurso Internacional Valentino Bucchi em Roma em 1992, laureado no Concurso Internacional Aurelian Popa na Roménia em 1993 e semi-finalista no Concurso Internacional de Cracóvia em 1994. Em 2002 ficou apurado entre os três semifinalistas em clarinete do Concert Artists Guild em Nova Iorque. Como vencedor do Prémio Jovens Músicos, foi representante da RDP na Fundação Hindemith, na Suíça.

A sua discografia inclui o 2.º Concerto de Weber, com a Nova Filarmonia Portuguesa, obras de Mathias Dorsam com o Quinteto Mistral, os CDs «Percursos» e «LX1988» com o Quarteto de Clarinetes de Lisboa, «SWING.PT» e «Live Performances Mozart /Copland». Nuno Silva é artista Buffet Crampon e D’Addario Woodwinds.

É regularmente convidado a atuar no Congresso Mundial do Clarinete, tendo participado neste evento em Atlanta, Vancouver, Porto, Los Angeles, Assici e Madrid.

A sua atividade como professor e músico leva-o a apresentar-se em Espanha, França, Bélgica, Holanda, Suíça, Itália, China, Austrália, E.U.A, Brasil, etc. Atuou com músicos de referência mundial, tais como Paul Meyer, Antoine Tamestit, Yo Kosube e Jin Wang, entre outros. A crítica internacional reserva-lhe elogios, como «…Silva has the chops to handle all this music and the swing to sell it…» in Fanfare Magazine, «…Silva’s tone has great core focus and ring…» in The Clarinet.

Nuno Silva é atualmente professor no Conservatório Nacional e na Academia Nacional Superior de Orquestra, assim como 1.º Clarinete Solista da Orquestra Metropolitana de Lisboa.

Em 2003, a Câmara Municipal do Seixal atribuiu-lhe a medalha de mérito cultural e a sua biografia foi citada na revista Visão como «um percurso digno de orgulho nacional». A sua biografia consta do livro de Gianluca Campagnolo Great Clarinetists.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook