violinista Miguel Simões

Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Miguel Simões

Violino

Miguel Simões foi admitido com 15 anos no Young Music Department, da Faculdade de Utrecht, na Holanda, na classe da professora Joyce Tan, trabalhando em simultâneo com o violinista Ilya Grubert.

Com 16 anos, em 2002, ganhou o 1.º Prémio em violino do Concurso Jovens Músicos – RDP.

Recebeu o prémio de mérito pelos seus resultados e projeção internacional pela Escola Secundária Alberto Sampaio.

Nos anos de 2002 a 2008 foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian. Nesse ano, terminou a licenciatura no Conservatório Superior de Música de Amesterdão sendo admitido no Master of Music in Performance na classe de violino do Professor Ilya Grubert que veio a concluir em 2011.

Fez a estreia mundial de três obras dedicadas do compositor Joaquim Santos, Arioso para violino solo, Capriccio para violino e piano, Trio Concertante para violino, clarinete e piano, em Roma.

Apresenta-se regularmente em Portugal, Espanha, Itália, França, Áustria e Holanda em recitais a solo e de música de câmara. É músico convidado na Orquestra Gulbenkian desde 2015.

Miguel Simões é fundador e diretor artístico do Com.Cordas Ensemble, que conta já com inúmeros concertos realizados no país.

Paralelamente à sua atividade artística, desenvolve um projeto de ensino especializado para jovens talentos tendo os seus alunos vindo a ser elogiados e premiados por diversas personalidades da área em concursos nacionais e internacionais.

Desde Setembro de 2019 leciona na Universidade do Minho e é doutorando em Artes Musicais na Universidade Nova de Lisboa.

Apresenta-se em concerto num violino Pierre Hell que pertenceu ao compositor romeno George Enescu e arco Charles Espey.

[ Bio facultada por Miguel Simões e publicada na Meloteca a 12 de dezembro de 2019 ]

Partilhe
Share on Facebook
Facebook