Órgão Manuel de Sá Couto do Santuário do Bom Jesus, Braga

Manuel de Sá Couto

Organeiro

Manuel de Sá [ Couto ], Lagonsinha, por Ernesto Vieira, no Diccionario Biographico dos Músicos Portuguezes, 1900.

Organeiro que trabalhou nos princípios do século XIX, produzindo uma grande parte dos órgãos existentes na Província do Minho, especialmente em Braga.

Era natural da Freguesia de onde tirou o apelido, próximo de Santo Tirso, tendo tido por mestre na fabricação de órgãos um frade do Convento de Tibães.

Faleceu cerca de 1846.

Atribui-se-lhe a construção do grande órgão que está hoje no Santuário do Bom Jesus, o qual pertencia ao convento dos frades bernardos de Bouro, conselho de Amares; este órgão foi concedido pelo governo e transferido para o Bom Jesus em 1855, custando a sua trasladação, colocação e restauração três mil cruzados (1:200$000 reis). Tinha sido construído pouco antes de 1834.

[ Músicos naturais de Famalicão ]

Partilhe
Share on Facebook
Facebook