Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Luísa Barriga

Soprano

Nascida em Lisboa em 1979, Luísa Barriga é diplomada pela Academia de Música de Santa Cecília e Escola Superior de Música de Lisboa, onde estudou com Elsa Saque e Luís Madureira, colaborando também com Helena Pina Manique, Olga Prats, Nuno Vieira de Almeida e Stephen Bull. Participou em cursos de Canto e classes de aperfeiçoamento em Portugal, Alemanha e Áustria, com Gundula Janowitz, Hilde Zadek, Manuel Cid, entre outros.

A sua estreia em Ópera realizou-se no ACARTE/CAM da Fundação Calouste Gulbenkian em 2000 em “Guerras de Alecrim e Manjerona” (D. Clóris), seguindo-se a sua participação nos elencos das óperas “As Bodas de Fígaro” (Barbarina), “Rigoletto” (Condessa de Ceprano/Pagem), “L’Ivrogne Corrigé” (Colette), “A Raposinha Matreira” (Galinha da Índia/Coruja). Interpretou igualmente excertos das óperas “The Rape of Lucretia” (Lucia), “A Midsummer Night’s Dream” (Tytania),”Candide” (Cunegonde) e “L’Enfant et les Sortiléges” (Le Feu). Interpretou também “Le Fifre Enchanté” (Coraline) de Jacques Offenbach e “Ottone” de Handel (Teofane) no Grande Auditório da Casa da Música em 2005. Estreou obras dos compositores portugueses Eurico Carrapatoso e Fernando das Neves Lobo no espectáculo “Inezeléctrica”no Salão Nobre do Teatro Nacional de São João.

Tem sido convidada para diversas interpretações de obras com texto narrativo como “Dracula” de David del Tredici (Estreia Europeia), “Christian Zeal and Activity” de John Adams, “O Carnaval dos Animais” de Saint-Saëns, excertos da Ópera “Philomela” de James Dillon, apresentada no Rivoli do Porto, produção que irá a Estrasburgo e Paris e o papel de Fada Verde na ópera “A Bela Adormecida” de Respighi.

Actuou com o Remix Ensemble, com a Remix Orquestra, com a Orquestra Clássica da Madeira, com a Orquestra Capela Real e com Orquestra Artave sob a direcção de Rui Massena, Jean-Marc Burfin, Martin André, Manuel Ivo Cruz, Pierre-André Valade, William Lacey e Jonathan Stockhammer. Integra actualmente o grupo de cantores do Estúdio de Ópera do Porto/Casa da Música, onde trabalha sob a orientação de Peter Harrison. Tem participado nos recitais mensais temáticos relacionados com este projecto de jovens cantores. Recebeu o Prémio Bocage no Concurso de Canto Luísa Todi em Junho de 2005.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook