Luís Tinoco, compositor

Contactos

Clique no botão, se quiser apresentar os seus contactos no site Meloteca.

Luís Tinoco

Compositor

Luís Tinoco [n. 1969, Lisboa] formou-se em composição na Escola Superior de Música de Lisboa. Mais tarde, no Reino Unido, fez um Mestrado em Composição na Royal Academy of Music, em Londres, e doutorou-se pela Universidade de York. Combina a sua actividade de compositor com o ensino, exercendo funções docentes na Escola Superior de Música de Lisboa.

Enquanto programador e divulgador musical, destaca-se a sua colaboração com a Antena 2 da RTP como autor e produtor de programas radiofónicos e como director artístico do Prémio e Festival Jovens Músicos.

Como compositor, desempenha o cargo de Compositor Residente no Teatro Nacional de S. Carlos e, na temporada de 2017, foi Artista Associado da Casa da Música.

O seu catálogo inclui obras vocais e música de cena como “Search Songs” (2007) – para soprano e orquestra, com textos de Alexander Search; “From the Depth of Distance” (2008) – para soprano e orquestra, com textos de Walt Whitman e Álvaro de Campos; “Evil Machines” (2008) – uma fantasia musical com libreto e encenação do Monty Python Terry Jones; “Paint Me” (2010) – uma ópera de câmara com libreto de Stephen Plaice e encenação de Rui Horta; “Passeios do Sonhador Solitário” (2011) – uma cantata com libreto de Almeida Faria; e “Lídia” (2014) – um bailado com coreografia de Paulo Ribeiro, encomendado pela Companhia Nacional de Bailado (CNB).

Trabalhos orquestrais recentes incluem “Cercle Intérieur” (2012) – estreada pela Orquestra Filarmónica da Radio France na Cité de La Musique em Paris; “Concerto para Trompa” (2013) – estreado no 45th International Horn Symposium (Memphis, EUA); “FrisLand” (2014) – estreada pela Orquestra Sinfónica de Seattle no Benaroya Hall da cidade de Seattle; “Incipit” (2015), para orquestra sinfónica – composta para celebrar os 450 anos da fundação da cidade do Rio de Janeiro e estreada pela Orquestra Sinfónica Brasileira no Theatro Municipal do Rio de Janeiro; “O Sotaque Azul das Águas” (2015), co-encomendada pela Orquestra Gulbenkian e pela Orquestra Sinfónica Estadual de São Paulo (OSESP); e “Concerto de Violoncelo” (2017), escrito para o violoncelista Filipe Quaresma e para a Orquestra Sinfónica Portuguesa.

A música de Tinoco é publicada no Reino Unido pela University of York Music Press e está disponível em CDs comerciais gravados pela Orquestra Gulbenkian (Naxos 8.572981, 2013) e pelo Ensemble Lontano (Lorelt 121, 2005). O seu mais recente trabalho discográfico será lançado em Junho de 2018 pela Odradek records com o título “The Blue Voice of the Water”, reunindo quatro composições interpretadas pela Orquestra Gulbenkian, Orquestra Sinfónica Portuguesa, Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música e Orquestra Sinfónica de Seattle.

Outras peças de câmara estão disponíveis em gravações comerciais pelos agrupamentos Arditti String Quartet, Apollo Saxophone Quartet, QuadQuartet, Quarteto Vintage, Galliard Ensemble, Le Nouvel Ensemble Moderne, Sond’Ar-te Electric Ensemble; Royal Scottish Academy Brass, e por Pedro Carneiro.

DiISCOGRAFIA COMPLETA

[Obra – intérprete(s) – editora – país]

Quarteto de Cordas – Arditti String Quartet – ed. Et’Cetera – Holanda

Short Cuts – Apollo Saxophone Quartet – ed. Quartz – Reino Unido

Mind the Gap – Pedro Carneiro – Deux-Elles – Reino Unido

Autumn Wind; Light – Distance; O Curso das Águas – Galliard Ensemble – Deux-Elles – Reino Unido

…A Terra Fértil – Royal Scottish Academy Brass – ed. Deux-Elles – Reino Unido

Antípoda; Três Poemas do Oriente; Lugares Esquecidos; Short Cuts [C]; Sundance Sequence; Invenção Sobre Paisagem – Lontano Ensemble, dir. Odaline de La Martinez – ed. Lorelt Records – Reino Unido

Autumn Wind – Galliard Ensemble – ed.Meridian – Reino Unido

Antípoda – Le Nouvel Ensemble Moderne, dir. Lorraine Vaillancourt – ed.Atma Classique – Canadá

Ends Meet – Arditti String Quartet e Pedro Carneiro – ed. Et’Cetera – Holanda

Short Cuts [D] – Quanteto Vintage e Pedro Carneiro – ed.Vintage – Portugal

Search Songs – Piia Komsi e Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, dir. Martin André – ed.CdM – Portugal

Short Cuts – QuadQuartet – ed.QuadQuartet – Portugal

Tríptico – Luís Cunha e Eurico Rosado – ed.Numérica – Portugal

Contos Fantásticos – José Vicente Moirón, Orquesta de Extremadura, dir. Jesus Amigo – ed.Orqesta de Extremadura – Espanha

O Silêncio e as Pedras – Sond’Ar-te Electric Ensemble, dir. Jean-Sébastien Béreau – ed. Miso – Portugal

Round Time; From the Depth of Distance; Search Songs; Canções do Sonhador Solitário – Ana Quintans, Yeree Suh, Raquel Camarinha, Orquestra Gulbenkian, dir. David Alan Miller – ed.Naxos – Alemanha

O Sotaque Azul das Águas – Orquestra Gulbenkian, dir. Susanna Mälkki – ed. Odradek records – EUA

Concerto de Violoncelo – Filipe Quaresma (solista), Orquestra Sinfónica Portuguesa, dir. Pedro Neves – ed. Odradek records – EUA

Frisland – Orquestra Sinfónica de Seattle, dir. Ludovic Morlot – ed. Odradek records – EUA

Before String – a tribute to The Rite – Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, dir. Martin André – ed. Odradek records – EUA

Costa Muda [DVD] – Orquestra de Jazz de Matosinhos, dir. Pedro Guedes – ed. C.M.Matosinhos

Obras editadas em partitura pela University of York Music Press, Reino Unido

…from the depth of distance – soprano e orquestra

…the Fertile Land – quinteto de metais

Abertura Festiva – orquestra sinfónica

Antípoda – orquestra de câmara

Antípoda – orquestra sinfónica

Ascent – orquestra sinfónica

Autumn Wind – quinteto de sopros

Before Spring – orquestra sinfónica

Before Spring – orquestra de câmara

Canções do Sonhador Solitário – soprano e orquestra

Centauro – Quíron – bailado – orquestra de câmara

Cercle Intérieur – orquestra sinfónica espacializada

Canto para Timor Leste – orquestra de cordas

Concerto de Trompa – trompa e orquestra

Concerto de Violoncelo – violoncelo e orquestra

Contos Fantásticos – narrador e orquestra

Costa Muda – orquestra de jazz

Descubro a Voz – coro misto

Díptico – piano e orquestra

Diversion – instrumentos variáveis

Ends Meet – marimba e quartet de cordas

Ends Meet – marimba e orquestra de cordas

Evil Machines – ópera

Fogo – voz e piano

Frisland – orquestra sinfónica

Hovering Over – orquestra de câmara

Incipit – orquestra sinfónica

Ink Dance – coro misto

Invenção sobre Paisagem – orquestra de câmara

Labirinto – 8 instrumentos

LÍDIA – bailado – orquestra de câmara

Light – Distance – quinteto de sopros

Lugares Esquecidos – quarteto com piano

Mind the Gap – marimba

Mind the Gap – piano

O Curso das Águas – quarteto de sopros

O Silêncio e as Pedras – quinteto e electronica

Os Passeios do Sonhador Solitário – soprano, narrador, coro, electronica e orquestra

O Relógio – voz e piano

O Sotaque Azul das Águas – orquestra sinfónica

Paint Me – ópera

Qalbi ‘arabi – os viajantes da noite – quinteto vocal e orquestra de cordas

Round Time – orquestra sinfónica

Search Songs – soprano e orquestra

Shadow Play – erhu e orquestra

Short Cuts – quarteto de percussão

Short Cuts – quarteto de clarinetes e percussão

Short Cuts – quarteto de clarinetes

Short Cuts – quarteto de saxofones

Short Cuts – ensemble misto

Spam! – voz masculina e orquestra de câmara

Sundance Sequence – 11 músicos

The Delirium of My Desire – flauta

Três Poemas do Oriente – soprano e ensemble de câmara

Tracing the Memory – orquestra sinfónica

Verde Secreto – saxofone e piano

Zapping – orquestra sinfónica

Zoom In – Zoom Out – trio de percussão

Outras edições em partitura, Portugal

Quarteto de Cordas – ed. Câmara Municipal de Cascais

Verde Secreto – ed. Musicoteca

Tríptico – ed. DGArtes

Lista de obras e estreias [ordenadas por data]

2017 – Concerto de Violoncelo – violoncelo e orquestra – estreia por Filipe Quaresma e Orquestra Sinfónica Portuguesa, dir. Pedro Neves – encomenda Opart / TNSC

2016 – Centauro – Quíron (bailado) – orquestra de câmara – estreia por solistas da Orquestra Sinfónica Portuguesa, dir. Cesário Costa – coreografia de Victor Hugo Pontes – encomenda de Companhia Nacional de Bailado / Opart

2016 – Fogo (texto de Almeida Faria) – voz e piano – estreia por Joana Seara e Jan Wierzba – encomenda de Mpmp

2015 – Incipit – orquestra sinfónica – estreia pela Orquestra Sinfónica Brasileira, dir. Tito Muñoz; e Orquestra Sinfónica Portuguesa, dir. Joana Carneiro – encomenda da Orquestra Sinfónica Portuguesa / Opart

2015 – O Sotaque Azul das Águas – orquestra sinfónica – estreia pela Orquestra Gulbenkian, dir. Susanna Mälkki; e pela Orquestra Sinfónica do Estado de São Paulo, dir. James Gaffigan – co-encomenda da OSESP e da Fundação Gulbenkian

2014 – Ends Meet – versão para marimba e orquestra de cordas – estreia por Pedro Carneiro e Orquestra Clássica da Madeira

2014 – Frisland – para orquestra sinfónica – estreia por Orquestra Sinfónica de Seattle, dir. Ludovic Morlot – encomenda de Seattle Symphony

2014 – O Relógio (texto de Salette Tavares) – para voz masculina e piano – estreia por Luís Madureira e Jeff Cohen

2014 – Lídia (bailado) – orquestra de câmara – estreia por solistas da Orquestra Metropolitana de Lisboa, dir. Pedro Neves – coreografia de Paulo Ribeiro – encomenda de Companhia Nacional de Bailado / Opart

2013 – Costa Muda – para orquestra de jazz e vídeo – estreia por Orquestra de Jazz de Matosinhos, dir. Pedro Guedes – encomenda de Casa da Música

2013 – Concerto de Trompa, in memoriam Adácio Pestana – para trompa e orquestra – estreia por Abel Pereira e Eroica Ensemble, dir. Michael Gilbert – encomenda de Elsa Magalhães Pestana

2013 – Before Spring – a tribute to the Rite – versão para orquestra sinfónica – estreia por Orquestra Sinfónica Portuguesa, dir. Joana Carneiro – encomenda de TNSC / Opart

2012 – 2013 – Abertura Festiva – orquestra sinfónica – estreia por Orquestra Sinfónica Portuguesa, dir. Rui Pinheiro – encomenda de TNSC / Opart

2012 – Cercle Intérieur – para orquestra sinfónica espacializada – estreia por Orquestra Filarmónica da Radio France, dir. Pascal Rophé – encomenda da Radio France

2011 / 2012 – Canções do Sonhador Solitário (texto de Almeida Faria) – para soprano e orquestra – estreia por Raquel Camarinha e Orquestra Gulbenkian, dir. David Alan Miller

2011 / 2012 – Ink Dance (poema de Yvette K. Centeno) – para coro misto – estreia por coro Janua Vox, dir. Roberta Paraninfo – encomenda do 18º Festival Europa Cantat – Turim

2011 – Shadow Play – para Erhu e orquestra – estreia por Betti Xiang e Orquestra Sinfónica de Albany, dir. David Alan Miller – encomenda da Albany Symphony

2011 – Os Passeios do Sonhador Solitário (libreto de Almeida Faria) – para soprano, narrador, coro infantil, electrónica e orquestra sinfónica – estreia por Ana Quintans, João Pedro Vaz, Coro de S.Tomé, Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, dir. Pedro Neves – encomenda CdM

2010 – Zoom in – Zoom out – três percussionistas – estreia por Grupo de Percussão Drumming – encomenda de Drumming

2010 – Before Spring – a tribute to the Rite – orquestra de câmara – estreia por OrchestrUtopica, dir. Cesário Costa – encomenda de OrchestrUtopica

2010 – Paint Me (libreto de Stephen Plaice) – estreia por Raquel Camarinha, Hugo Oliveira, Eduarda Melo, Job Tomé, entre outros, e solistas da Orquestra Sinfónica Portuguesa, dir. Joana Carneiro – encenação de Rui Horta – encomenda de Culturgest

2009 – Sea of Tranquillity (textos de Italo Calvino, John Wilkins, Francis Godwin, Jules Verne, H.G. Wells, Hugh Lofting e diálogos registados na missão Apollo XI) – para dois narradores e orquestra de câmara – estreia por Dogs of Desire, dir. David Alan Miller – encomenda da Orquestra Sinfónica de Albany NY

2009 – Shadow Antiphonies – duas flautas de bisel e marimba – estreia por Tozé Carrilho, Sofia Norton e Elizabeth Davis – encomenda de A Coisa em Si

2009 – Spam! (textos de spam electrónico e notícias de imprensa) – para narrador / cantor e orquestra de câmara – estreia por Mário Redondo e OrchestrUtopica, dir. René Bosc – encomenda de OrchestrUtopica

2008 – …From the Depth of Distance (poemas de Walt Whitman e Álvaro de Campos) – estreia por Ana Quintans e Orquestra do Algarve, dir. Cesário Costa – co-encomenda de Orquestra do Algarve e Orquestra Sinfónica de Albany NY

2008 – King George I, as seen in Schiaparelli’s Telescope, sailing his barge upon Martian Canals – para flauta, percussão e electrónica – estreia por Katharine Rawdon e Elizabeth Davis – encomenda da Antena 2

2008 – O Silêncio e as Pedras – para ensemble de câmara e electrónica – estreia por Sond’Ar-te Electric Ensemble, dir. Pedro Amaral – encomenda Miso Music

2007 / 2008 – Evil Machines (libreto de Terry Jones) – estreia por Ana Quintans, Ana Paula Russo, Mário Redondo, João Merino, Fernando Guimarães, entre outros, e Orquestra Metropolitana de Lisboa, dir. Cesário Costa – encenação de Terry Jones – encomenda de São Luiz Teatro Municipal

2007 – Descubro a Voz (texto de José Luís Tinoco) – coro misto – estreia pelo Coro de Câmara Filarmónico da Estónia, dir. Daniel Reuss

2007 – Search Songs (poemas de Alexander Search) – soprano e orquestra – estreia por Yeree Suh e Royal Philharmonic Orchestra, dir. Cesário Costa – encomenda do Festival do Estoril

2006 / 2007 – Ascent – orquestra sinfónica – estreia pela Orquestra Sinfónica de El Paso, dir. Sarah Ioannides – encomenda El Paso Symphony

2006 – Steel Factory – para ensemble de steel drums e percussões múltiplas – estreia pelos Drumming, dir. Miquel Bernat – encomenda de Drumming Grupo de Percussão

2005 / 2006 – Contos Fantásticos (textos de Terry Jones) – narrador e orquestra – estreia por João Reis e Orquestra Metropolitana de Lisboa, dir. Cesário Costa – encomenda OML

2005 / 2006 – The Delirium of My Desire – a Consequenza for solo flute in memoriam Luciano Berio – estreia por Stéphanie Wagner – encomenda da Casa da Música

2005 – Labirinto – clarinete e ensemble – estreia por Nuno Pinto e Camerata Senza Misura – encomenda da Camerata Senza Misura

2004 / 2005 – Tracing the Memory – orquestra sinfónica – estreia pela Orquestra Sinfónica de Albany, dir. David Alan Miller – encomenda da ASO

2004 / 2005 – Díptico para Piano e Orquestra – estreia por António Rosado e Orquestra Nacional do Porto, dir. Martin André – encomenda da C.M.Matosinhos

2004 – Zapping – orquestra sinfónica – estreia pela Orquestra Sinfónica Portuguesa, dir. Donato Renzetti – encomenda do TNSC

2004 – Hovering Over – orquestra de câmara – estreia pelo Birmingham Contemporary Music Group, dir. Susanna Malkki – encomenda da Fundação Calouste Gulbenkian

2003 / 2004 – Short Cuts – quarteto de saxofones – estreia pelo Apollo Saxophone Quartet – encomenda do Apollo Quartet

2003 – Imaginary Dancescape – a melodrumming after Cocteau (texto de Jean Cocteau) – para barítono e quinteto de percussão – estreia por Luís Rodrigues e Drumming Grupo de Percussão – encomenda da Culturgest

2002 – Solonely – contrabaixo e electrónica – estreia por António Augusto Aguiar – encomenda do CCB Fundação das Descobertas

2002 – Qalbî ‘arabî, os viajantes da noite (poesia luso-árabe, adap. Adalberto Alves) – quinteto vocal e orquestra de cordas – estreia por Olissipo e Orquestra de Câmara de Cascais e Oeiras, dir. Nikolai Lalov

2002 – Round Time – orquestra sinfónica – estreia por Orquestra Nacional do Porto, dir. Cesário Costa – encomenda da ONP

2001 / 2002 – Ends Meet – para marimba e quarteto de cordas – estreia por Pedro Carneiro e Stroma Ensemble (Nova Zelândia) – encomenda da C.M.Matosinhos

2001 – O Curso das Águas – quarteto de sopros – estreia pelos solistas da Orquestra Gulbenkian

2001 – Invenção Sobre Paisagem – orquestra de câmara – estreia pelo Remix Ensemble, dir. Sarah Ioannides – encomenda da Porto 2001

2001 – Três Poemas do Oriente (poemas de Camilo Pessanha) – soprano e ensemble de câmara – estreia por Ana Ester Neves e Grupo de Música Contemporânea de Lisboa, dir. Carlos Franco – encomenda do GMCL

2000 – Light – Distance – quinteto de sopros – estreia pelo Galliard Ensemble – encomenda do Festival de Música de Mafra

1999 / 2000 – Antípoda – orquestra de câmara – estreia pelo Nouvel Ensemble Moderne, dir. Lorraine Vaillancourt

1999/2000 – Mind the Gap – marimba – estreia por Pedro Carneiro

1999 – Round Time Poems – coro masculino – leitura pelos BBC Singers

1999 – Sundance Sequence – 11 músicos – estreia por solistas da Orquestra Metropolitana de Lisboa, dir. Jean-Marc Burffin – encomenda do CCB Fundação das Descobertas

1999 – …a Terra Fértil – quinteto de metais – estreia pelos Royal Scottish Academy Brass – encomenda do Quinteto de Metais do Seixal

1998 – Autumn Wind – para quinteto – encomenda da Royal Academy of Music – estreia por alunos da Junior Academy

1998 – Lugares Esquecidos – quarteto com piano – estreia pelo Quarteto de Moscovo – encomenda do Serviço Acarte / Fundação Calouste Gulbenkian

1998 – Canto para Timor Leste – orquestra de cordas – estreia pelos Academy Soloists, dir. Clio Gould

1997 – Verde Secreto – saxofone e piano – estreia por Rui Gabriel e Francisco Sassetti – encomenda do Serviço Acarte / Fundação Calouste Gulbenkian

1997 – Tríptico para violino e piano – estreia por Philippa Parry e Simon Lepper

1997 – A Way to Silence – para octeto – estreia por alunos da Royal Academy of Music

1996 – Perpetuum para orquestra – estreia pela Orquestra Sinfónica Portuguesa, dir. David Alan Miller

1995 – Quarteto de Cordas – estreia pelo Quarteto de Moscovo

Distinções e Bolsas:

2016 – ARAM – Associate of the Royal Academy of Music – Londres

2008 – Prémio Nacional Cidade de Gaia (“Artur Napoleão” – Música) – V.N.Gaia

2003 – Seleccionado para o World Music Days / International Society for Contemporary Music – Eslovénia

2000 – Prémio de Composição Cláudio Carneyro – C.M.Porto

2000 – Seleccionado entre os quatro finalistas do International Young Composers’ Forum – promovido pelo Nouvel Ensemble Moderne (Montreal) e com o apoio do Conselho Internacional para a Música

1999 – Charles Lucas Composition Prize, atribuído por júri de Mestrado – Royal

Academy of Music

1999 – Prémio de Composição Galliard Ensemble – Galliard Ensemble, Londres

1999 – Finalista do Prémio Internacional de Composição Journées Internationales de la Jeune Musique – Marselha

1999 – Seleccionado pela “Society for the Promotion of New Music”, (SPNM) em Londres, para a temporada 1999/2000, sob a direcção artística de Joanna MacGregor

1999 – Prémio Revelação Ribeiro da Fonte (Música) – IPAE – Ministério da Cultura

1998 – Bolsa para estudos de Mestrado – Fundação Calouste Gulbenkian

1998 – Battison Haynes Prize – Royal Academy of Music

1998 – Prémio de Mérito Mosco Carner – Royal Academy of Music

1998 – Prémio de Mérito Howard Carr Memorial Prize – Royal Academy of Music

1997 – Prémio Edward Echt de Composição – Royal Academy of Music

1997 e 1998 – Bolsa de Criação – Centro Nacional de Cultura

1995 – Prémio Lopes Graça de Composição – C.M.Cascais