Luís André Ferreira

Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Luís André Ferreira

Violoncelo

Apesar de um primeiro contacto com a música na sua infância, na Academia de Música de Santa Cecília, só bem mais tarde, Luís André Ferreira viria a estudar Violoncelo na classe de Luís Sá Pessoa na Escola de Música do Conservatório Nacional de Lisboa tendo concluído o curso em apenas 4 anos com a classificação de 19 valores.

Já se apresentou como solista com a Orquestra do Conservatório Nacional de Lisboa, com a Orquestra do estágio das Escolas Oficiais de Música e a convite do Maestro Rui Massena, tocou a solo com a Orquestra Clássica da Madeira na ilha do Funchal em Dezembro de 2002 o concerto em Dó maior de Joseph Haydn.

Foi-lhe atribuído o prémio Augusto Serras do Rotary Club de Lisboa no ano de 2003 e uma bolsa para aprefeiçoamento artístico da mesma fundação.

Em 2003 foi admitido na escola Superior das Artes de Amsterdão “Conservatorium van Amsterdam” onde terminou o 4º ano da Licenciatura de Violoncelo em 2007 tendo sido posteriormente convidado para frequentar um Mestrado em Performance na classe de Monique Bartels.

Tem-se apresentado regularmente em recitais a solo e de música de câmara na Holanda, Alemanha, França, Portugal, Espanha, Bélgica e Bielorrússia. Participou no IV Festival Culturel Européen 2003 de Rouen em França. Em Novembro de 2006 foi seleccionado pela Amsterdamse Cello Biennale para integrar uma masterclass com o professor Jean-Guihen Queyras.

Tem trabalhado com diversos professores nomeadamente Paulo Gaio Lima, Jean-Guihen Queyras, Zavier Gagnepain, Pieter Wispelwey, Vladimir Perlin, Mácio Carneiro, Godfried Hoogeveen e Valter Despalj. Luís André Ferreira é bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian desde Setembro de 2004.

Frequente um Mestrado no Conservatório de Amesterdão e é violoncelista da Orquestra de Câmara Portuguesa cujo maestro titular é Pedro Carneiro.

13 Abril 2008

Partilhe
Share on Facebook
Facebook