Júlio Guerreiro guitarra

Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Júlio Guerreiro

Guitarra

Natural de Lisboa, Júlio Guerreiro obteve em 2001, sob a orientação de Piñero Nagy a Licenciatura em Guitarra da Escola Superior de Música de Lisboa onde integrou também a classe de música de câmara de Olga Prats, terminando ambas as disciplinas com elevada classificação.

De 2002 a 2004, como bolseiro do Centro Nacional de Cultura realizou o curso de Pós-Graduação em Interpretação Musical da Escuela Luthier de Artes Musicales , em Barcelona, onde estudou com Ricardo Gallén.

Participou em classes de aperfeiçoamento com diversos professores entre os quais António Jorge Gonçalves, David Russell, Joaquín Clerch e Alberto Ponce.

Toca frequentemente integrado em grupos de câmara – destacando o duo com o soprano Elsa Cortez, bem como a solo, tendo maior relevo os recitais dos festivais: Internacional de Música da Costa do Estoril, Festival Internacional de Guitarra de Santo Tirso e no Festival Internacional de Guitarra de Barcelona no 1º concerto dedicado à nova geração de intérpretes.

Em 1999 obteve o 1º Prémio (Ex aequo) no I Concurso Internacional de Guitarra de Sernancelhe.

Em 2000 foi premiado com o 1º Prémio (Ex aequo) e com o Prémio Cultura “Carla Minen” no XXIX Concorso Internazionale di Chitarra “Fernando Sor”, Roma.

Em 2005 foi galardoado com o 2º Prémio no I Encuentro de Guitarra “Norba Caesarina” em Cáceres, Espanha.

Participou em vários recitais comentados pelo compositor e Maestro António Vitorino d’Almeida, destacando um concerto inteiramente dedicado à sua obra de música de câmara no Musikverein de Viena de Áustria e a gravação das suas obras para ensemble. para a Numérica.

Como solista realizou concertos com os Solistas da Orquestra de Câmara de Cascais e Oeiras, Orquestra Filarmonia das Beiras dirigida por Vasco Pearce de Azevedo e com a Orquestra Sinfónica Portuguesa sob a direção de Julia Jones. Integrado na Orchestrutópica foi dirigido pelos Maestros Odaline de la Martinez , Cesário Costa e Jean-Sebastien Béreau.

A convite do Maestro Alberto Lysy integrou o grupo de Solistas da Camerata Lysy Gstaad tendo realizado concertos no Festival Açoreano MúsicAntlântica, XXX Festival Internacional de Música da Costa do Estoril e na Internacional Menuhin Academy for Young Soloists em Blonay, Suíça.

Guitarrista convidado do Remix Ensemble – Casa da Música, desde 2005, trabalhou directamente com compositores como James Dillon e Helmut Lachenmann tendo sido dirigido por Peter Rundel, Rolf Gupta, Baldur Bronnimann e Brad Lubman, entre outros. Integrou também a Orquestra do Teatro Mariinsky de S.Petersburgo sob direcção de Valery Gergiev, a Orquestra Nacional do Porto – Casa da Música sob direcção de John Storgards e Christian Baldini e colaborou como o Coro Casa da Música dirigido por Paul Hillier.

Além do território nacional, apresentou-se a solo ou em grupos de câmara em Espanha, Áustria, Suíça, Alemanha, Inglaterra e Holanda. Realizou gravações para a Antena 2, RTP, RTP Internacional e WDR.

É editor-convidado da AVA-Musical Editions para a colecção “Opus Lubra”, composta de música para guitarra solo e música de câmara do compositor Eli Camargo Jr. Realiza também, na mesma editora, a revisão das obras para guitarra de António Vitorino d’Almeida e de Sérgio Azevedo, sendo dedicatário de várias delas.

Lecciona na Escola de Música do Conservatório Nacional.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook