Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

José Martinho

Fagote

José Martinho nasceu em Guimarães em 1992. Iniciou os estudos musicais aos 8 anos, na Banda Musical de Caldas das Taipas. Com 13 anos ingressou na Escola Profissional Artística do Vale do Ave, na classe de fagote de Paulo Martins e mais tarde com Lurdes Carneiro.

Em 2011 estudou na ESMAE com Pedro Silva, com quem estudou mais tarde na Universidade de Aveiro.

Ao longo do seu percurso trabalhou com vários maestros como, Luís Machado, Vítor Matos, Pedro Neves, Cesário Costa, Ernest Schelle, Collin Metters, Emílio de César, Luís Carvalho, Vassalo Lourenço, Vasco Negreiros, Javier Castro, Andreas Weiß, Jan Wierzba, André Lousada.

Integrou as orquestras: Orquestra Sinfónica Artave, Orquestra Sinfónica Aproarte Juvenil, Orquestra de Sopros da Academia de Música Valentim Moreira de Sá, Orquestra da Universidade do Minho, Orquestra Filarmonia das Beiras, Orquestras de Sopros da Universidade de Aveiro, Orquestra Clássica de Espinho, Orquestra Clássica de Fátima e Orquestra BomTempo.

Integrou vários cursos de aperfeiçoamento, onde teve a oportunidade detrabalhar com: Hugues kestman, Lyndon Watts, Günter Pfitzenmaier, Roberto Giaccaglia, Pierre Olivierre, Steve Harriswangler, Rui Lopes, Virgílio Oliveira, Marco Postinghel, Giorgio Mandolesi, Raffaele Giannotti e Carlo Colombo.

Em 2008 foi finalista do I Concurso Nacional de Sopro “Terras de La-Sallete”. Participou em 2016 no Verão Clássico onde arrecadou o terceiro prémio de Música de Câmara com os “Till Ensemble”. Já teve a oportunidade de pertencer a ensembles como: Ill Ensemble, Dyanamica Ensemble e Ensemble dos “Quest”.

Em Música de Câmara trabalhou com Lurdes Carneiro, Luísa Marques, Elísia Trigo, Hugues Kestman, Luís Silva, Chagas Rosa, Tiago Pinto-Ribeiro, Jamichel Garreti, Benjamin Schimd, Jack Liebeck e Olivier Patey.

No ano de 2010 e 2012 foi convidado a participar nos Jovens Músicos de Guimarães.

Em 2017 realizou um Workshop de Palhetas de Fagote na Academia de Música de Vilar do Paraíso.

Atualmente colabora com frequência na Orquestra Filarmonia das Beiras e na Orquestra BomTempo.