Joel Cardoso, clarinetista, de Vieira do Minho

Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Joel Cardoso

Clarinete

Natural de Vieira do Minho, Joel Duarte Alves Cardoso nasceu em 14 de dezembro de 1997.

Começou os estudos musicais na Banda Filarmónica de Vilarchão aos 9 anos e em 2007 ingressou em regime articulado na Academia de Música Valentim Moreira de Sá na classe de Domingos Castro. No semestre de verão de 2016/2017 e Inverno de 2017/2018 foi selecionado para o programa ERASMUS na Staatliche Hochschule für Musik Trossingen na classe do professor Chen Halevi. Nesta escola teve oportunidade de estudar clarinete histórico com Janis Tretjuks, Linde Brunmayr-Tutz e Eric Hoeprich.

Concluiu a licenciatura em performance na Classe de Clarinete de Vítor Matos.

Encontra-se a finalizar o mestrado em performance no Conservatorio della Svizzera italiana com os professores François Benda e Jordi Pons graças a uma bolsa de estudos da Fundação Calouste Gulbenkian.

Foi laureado no Concurso luso-espanhol de Fafe em 2009, Concurso “Terras de la Salette” em 2012 e 2018, Concurso internacional Marco Fiorindo (Itália) em 2012, 43° Certamen Internacional de Bandas de Música Villa de Altea (Espanha) em 2016 e Vencedor da Bolsa de Estudo da Yamaha Music Foundation of Europe 2017/2018, Thailand International Clarinet Competition 2021, Online competition Fundacja Life and Art in Kraków 2021(Polonia), III Concurso internacional de clarinete 2021(Perù), Iscart International Music Competition 2020(Suíça) e nomeado como Joven Artista Clariperu 2021.

Foi selecionado como membro efetivo na Jovem Orquestra Portuguesa, Orquestra Sinfónica “Ensenble”, Höri Musiktage Festivalorchester 2019, 2020 e 2021(Alemanha), Aurora Chamber Music Festival (Suécia),PRISMA (Canadá), Remix Ensemble Summer Academy (Casa da Música), Euwyo (European Union Youth Wind Orchestra), Orpheus Academy Orchestra(EUA), Académie musicale de Villecroze(França), Apeldoorn Festival master class (Holanda) e academista no Davos Festival (Suíca), Animato Foundation Orchestra (Suica) e Zermatt Music Festival and Academy 2019 and 2020(Suíça).

Foi selecionado para a lista de reforços na Orquestra Clássica do Sul, Orquestra da Costa Atlântica, no Pacific Music Festival 2018 (Japão) e Verbier Festival Orchestra 2020 e 2021 (Suíça).

Trabalhou em orquestras com maestros como Ton Koopman, Christian Zacharias,Johannes Gustavsson, Leif Segerstam, Vítor Matos, Pedro Neves, Cesário Costa, Peter Rundel, Sebastian Tewinkel,Claude Villaret, Paulo Martins, Hans Casteleyn, Kevin Griffiths e Joana Carneiro.

Realizou classes de aperfeiçoamento de clarinete e música de câmara com François Benda, Pascal Moragues, Charles Neidich, Eric Hoeprich, Andreas Sunden, Dominik Wollenbweber, Alexander Bader, Peter Riegelbauer, Lorenzo Coppola,Roberto Reveilleau (Alexandar Technique), Venancio Rius, Staffan Scheja, Harri Maki, Matthias Schorn, Kilian Herold, Jordi Pons, Tibor Reman, Ákos Hernádi, Akio Koyama e Nicholas Daniels.

Foi convidado a participar no projeto Música Sem Fronteiras, Orquestras e Coros das Instituições Portuguesas de Ensino Superior em apoio aos refugiados no Centro Cultural de Belém.

Colaborou com a Schweizer Jugend-Sinfonie-Orchester(Suíça), Fundação Orquestra Estúdio (Guimarães Capital Europeia da Cultura 2012), Orquestra de Guimarães, Orchesterzentrum/NRW em Dortmund e participou com Sinfonietta-Ensemble no Festival Donaueschinger Musiktage(Alemanha).

Bio facultada por Joel Cardoso, publicada na Meloteca a 10 de julho de 2021

Músicos naturais de Vieira do Minho

Clique AQUI para saber mais sobre músicos de Oliveira do Minho.

Partilhe
Share on Facebook
Facebook