maestro João Gouveia Paes

Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

João Gouveia Paes

Direção . Violoncelo

O violoncelista e maestro João Gouveia Paes, radicado em Copenhaga (Dinamarca), nasceu em Almada em 1989. Começou os seus estudos musicais aos 5 anos de idade no Conservatório Metropolitano de Lisboa. Foi aí, na sede da Orquestra Metropolitana de Lisboa, que grande parte do seu primeiro desenvolvimento musical ocorreu, culminando com a conclusão da licenciatura em Violoncelo na Academia Nacional Superior de Orquestra, na classe de Paulo Gaio Lima. Prosseguiu os estudos com um Mestrado em Violoncelo na Musikhögkolan i Malmö (Suécia), onde estudou com duas das maiores referências do violoncelo na Escandinávia – Mats Rondin e Torleif Thedéen.

Nos primeiros anos da sua carreira, passou por variadas experiências de performance musical como violoncelista. Tocou por duas vezes a solo com a Orquestra Sinfónica Juvenil de Lisboa, em concertos para violoncelo de Haydn e Dvorak, tendo sido chefe de naipe dessa mesma orquestra durante 4 anos.

Colaborou também com outras orquestras, tais como a Orquestra Metropolitana de Lisboa e a Orquestra da Ópera de Malmö. Para além disso, formou diversos grupos de música de câmara, entre os quais o Quarteto CM, galardoado com o primeiro prémio no Concurso Gilberta Paiva em 2013. Hoje em dia actua regularmente em recitais a solo e música de câmara.

Juntamente com a sua carreira como violoncelista, tem enveredado pela área da direção de orquestra e direção coral. Frequentou masterclasses e aulas com Jean Sebastien Béreau, Kirk Trevor, Jean-Marc Burfin, Diane Wittry Morten Rygelund, Filipe Carvalheiro, Frans Rasmussen, Martin Åkerwall e Norbert Baxa.

Na temporada 2016-2017 concluiu um curso avançado de direccão de orquestra na Universidade de Lund (Suécia), sob a direccão de Patrik Andersson, e frequenta actulmente o Mestrado em Direccão de Ensemble na Royal Danish Academy of Music (Dinamarca), na classe de Jørgen Fuglebæk.

Entre 2014 e 2015, João Gouveia Paes foi o maestro titular do Coro da Faculdade de Direito de Lund (Suécia) e desde 2017 trabalha com o Coro de Câmara de Jægerspris (Dinamarca) e o Coro Gronelandês Aavaat (Dinamarca/Gronelândia).

Desde Janeiro de 2019 que colabora com a orquestra Christanstad Symfoniker (Suécia) como Maestro Convidado. Dirigiu igualmente várias orquestras europeias, entre as quais a Belgrade Chamber Orchestra, a Bohuslav Martinu Philharmonic Orchestra e a North Czech Philharmonic Orchestra.

Como membro fundador da banda Penicos de Prata, explorou uma grande mistura de géneros musicais, improvisação e performance teatral, com influências de Monteverdi a Frank Zappa, levando por fim ao lançamento de um álbum – Música e Poesia Erótica e Satírica Portuguesa; 2013.

[ Bio facultada por João Gouveia Paes e publicada na Meloteca a 17 de setembro de 2019 ]

Partilhe
Share on Facebook
Facebook