João Carlos Azevedo

Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

João Carlos Azevedo

Tenor

João Carlos Azevedo nasceu em Lisboa, em 1971. Cursou Filosofia e Teologia na Universidade Católica Portuguesa.

Concluiu o Curso de Canto da Escola de Música do Conservatório Nacional de Lisboa, com a classificação máxima, tendo frequentado as classes de Elsa Saque e José Carlos Xavier. Na mesma Escola de Música, concluiu o Curso de Órgão, na classe de António Duarte.

Participou em classes de aperfeiçoamento em Portugal e no estrangeiro, sob a orientação dos professores Sara Walker, Eleana Domitresco, Enza Ferrari e outros.

Integrou o Coro do Teatro Nacional de São Carlos, no naipe dos 1ºs tenores até à temporada de 2006/07.

Como solista, sob a direção de prestigiados maestros, apresentou-se em missas e oratórias, de que se destacam:

Mozart: Requiem e a Missa da Coroação;

Rossini: Petite Messe Solennelle e Stabat Mater;

Em ópera, cantou:

Mozart: Flauta Mágica (Tamino), Jorge Salgueiro Cantata O Conquistador (Egas Moniz);

Em lied:

Mahler: Das Lied von der Erde.

No âmbito do teatro musical e sob a direção de Filipe La Féria , fez parte do elenco do Musical Amália, no papel de Alberto Ribeiro, e de My Fair Lady, interpretando vários personagens.

Em 2002, gravou para a Editora Acumédis, com outros jovens cantores líricos, o CD Noites de Ópera em Lisboa.

Fundou em 1998 o Coro da Fédération du Scoutisme Européen em Portugal, sendo habitualmente convidado para colaborar com vários coros, tanto na função de maestro, como de cantor solista, de organista e de professor de Técnica Vocal e Canto.

No âmbito do Ano Paulino, decretado em 2008 pela Santa Sé, foi convidado como tenor solista, pelo Coro Laudate, para a gravação do CD Paulo de Cristo editado pela Difusora Bíblica, com músicas de Frei Acílio Mendes.

Com o mesmo Coro, gravou em 2009 o CD Laudate Natal de cânticos tradicionais de Natal eruditos e populares.

Para além dos géneros lírico e erudito, aborda frequentemente outros estilos musicais como o Canto Gregoriano, o Gospel e o Fado de Coimbra.

Sob sua produção ou trabalhando com produtoras de espetáculos, tem-se dedicado à divulgação do reportório lírico, participando em espetáculos e eventos vários de Norte a Sul do País.

Desde 2001, é professor do Ensino Básico, lecionando a disciplina de Educação e Expressão Musical, tanto em estabelecimentos de ensino público como privado.