Joana Dias

Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Joana Dias

Violino

Joana Dias, nascida em Covilhã, iniciou os estudos musicais em 1999 na Escola Profissional de Artes da Beira Interior nas classes dos professores Clara Ramos, António Martelo e António Oliveira e Silva (violino, música de câmara e orquestra, respetivamente), terminando com distinção em 2005.

Recebeu uma Menção Honrosa da Cidade da Covilhã pelo mérito das qualificações obtidas no ensino secundário e nesse mesmo ano, foi ainda premiada no Prémio Jovens Músicos, edição 2005, com 1º prémio em Música de Câmara de nível médio.

Ingressou em 2005 na escola Superior de Música de Lisboa, onde frequentou as classes dos professores António Anjos, Irene Lima e Paulo Pacheco terminando a licenciatura em 2008.

Durante a licenciatura foi bolseira por dois anos consecutivos da Orquestra Sinfónica Juvenil em parceria com a Fundação EDP (2006/07, 2007/08).

Entre 2010 e 2012 estudou no Conservatório Real de Bruxelas na classe de  Yuzuko Horigome (1º prémio no “Queen Elisabeth Competition” 1980) onde tirou o mestrado em Performance e se graduou em 2012 com distinção.

Em 2011 foi ainda premiada no Concurso Internacional de Arcos Júlio Cardona.

Durante todo o percurso do seu mestrado, foi bolseira da Fundação Calouste Gulbenkian.

Os seus últimos estudos, entre 2012 e 2016 tiveram lugar na Hochschule für Musik und Tanz Köln em parceria com Orchesterzentrum NRW na classe de Emilian Piedicuta (Concertino da Düsseldorfer Symphoniker) onde tirou o mestrado de especialização em Orquestra com distinção.

Durante o seu percurso frequentou várias classes magistrais de Violino e Música de Câmara, estudando e aprendendo com professores e músicos de várias especialidades, tais como Angel Sanpedro, Michael Bochmann, Michael e Irina Tseitlin, Erkki Lahesmma, Jeroen Reuling, David Le Fèvre, Rainer Schmidt, Xuan Du, Gerardo Ribeiro, Marco Rizzi, El-Bacha, Yuzuko Horigome, Shirley Laub, Christian Heubes e Timothy Summers e Henja Semmler.

Participou igualmente em diversos festivais de orquestra, destacando-se a “Semaine International de Musique du Luxembourg”, a “OPEM” Orquestra Portuguesa das escolas de Música, Fondazione Cantiere Internazionale di Musica, a “Aproarte”, Orquestra Báltica inserida do festival de Schleswig Hostein e, mais recentemente, Orquestra XXI.

Esteve em contacto com grandes solistas como Nelson Freire, Maria João Pires, Boris Berezovsky, Mischa Maisky, Martha Argerich e maestros como Kristyan Järvi, Adam Fischer, Pablo Heras Casado e Daniel Harding.

Foi academista da Mahler Chamber Orchestra durante as temporadas 2012/13 e 2015/16.

Colaborou ainda a contrato temporário na Deutsche Radio Philharmonie Saarbrücken na temporada 2014/15, e na Düsseldorfer Symphoniker durante a temporada de 2016/17.

Atualmente é violinista Tutti nos 1°s Violinos na Orquestra Metropolitana de Lisboa, instituição onde exerce também atividade pedagógica desde o ano letivo 2019/20.

[ Bio facultada por Joana Dias e publicada na Meloteca a 21 de março de 2020 ]

Partilhe
Share on Facebook
Facebook