Inês Constantino, mezzo-soprano, de Azeitão (Setúbal)

Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Inês Constantino

Mezzo-soprano

A mezzo-soprano Inês Constantino começou por estudar guitarra clássica, saxofone e canto no Conservatório Regional de Palmela.

Completou a licenciatura em canto na Universidade de Aveiro sob orientação de Isabel Alcobia em 2016.

Nesse mesmo ano ganhou o 2º prémio no Concurso Internacional de Música “Cidade de Almada”.

No teatro Aveirense sob direção de Vassalo Lourenço e encenação de Claudio Hochman, interpretou as personagens Cherubino em “Le nozze di Figaro”, Zita em “Gianni Schicchi” e Suor Zelatrice em “Suor Angelica”. Também participou em musicais como “O feiticeiro de Oz” e “A pequena Sereia”.

Na Universidade Mozarteum em Salzburg, estudou de 2016 a 2018 na classe de ópera do maestro Gernot Sahler e encenador Alexander von Pfeil e na classe de canto de Michèle Crider. Em 2018 ganhou a bolsa de estudos Gianna Szel-Stipendium em Salzburg.

Depois de terminar o seu mestrado em ópera com classificação máxima, Inês Constantino fez um segundo mestrado em Lied e Oratorium na classe de Pauliina Tukiainen e na classe de canto de Mario Diaz.

Em Salzburg já interpretou Filipjewna em “Eugene Onegin”, Zita em “Gianni Schicchi”, Ruggiero em “Alcina”, Giacinta em “La Finta Semplice”, Stubenmädchen em “Reigen” e La voix em “Les contes d’Hoffmann”. Recentemente apresentou-se como Francisca na ópera “Vingança” de Jorge Salgueiro no Fórum Luísa Todi, como Annio em “La Clemenza di Tito” sob direção de Gernot Sahler e encenação de Alexander von Pfeil em Salzburg, e como “Dorabella” em “Così fan tutte” sob direção de Cesário Costa e encenação de António Durães no Coliseu do Porto.

Bio facultada por Inês Constantino, publicada na Meloteca a 08 de setembro de 2021

Músicos de Setúbal

Clique AQUI para saber mais sobre músicos do Concelho

Partilhe
Share on Facebook
Facebook