Hugo Sanches

Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Hugo Sanches

Alaúde . Investigação . Ensino

Hugo Sanches nasceu no Porto em 1973. É doutorado em Estudos Musicais pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra com distinção e louvor. É mestre e licenciado com nota máxima em interpretação musical (música antiga –  alaúde) pela Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo (Politécnico do Porto) e pós-graduado em psicologia da música pela Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto.

Exerce actividade profissional enquanto intérprete, professor e investigador.

É especializado em música dos séculos XVI e XVII, nos domínios quer da prática interpretativa, quer da teoria e pensamento estético e filosófico.

É professor no Curso de Música Antiga da ESMAE, onde lecciona teoria e prática interpretativa histórica, alaúde, música de câmara e baixo contínuo.

Enquanto músico free-lance, para além de actuar em recitais a solo, colaborou e gravou com diversos agrupamentos especializados em música renascentista e barroca nacionais e estrangeiros, tais como Arte Mínima, Orquestra Barroca da Casa da Música, Sete Lágrimas, Orquestra Vigo 430, Ensemble Norte do Sul, Orquestra barroca de Veneza e Os Músicos do Tejo, Carmina Cordis entre outros. Actuou em festivais e ciclos tais como Festival Internacional de Música de Espinho, “La Folle Journée”, Festival de Música Antigua de Úbeda y Baeza (Espanha), Festival Internacional de Guitarra de Santo Tirso, Tardes Clàssiques de Gràcia (Barcelona), Encontros de Música Antiga de Loulé, Festival Terras sem Sombra, Festival Internacional de Música da Madeira, Música em São Roque, Festival de Música em Leiria, Festival Via Stellae (Galiza), Monte Music Festival (Goa, Índia), Stocholm Early Music Festival (Suécia), Festival Mozart Rovereto (Itália) e Festival de Sablé (França).

No âmbito da música contemporânea estreou e gravou obras de compositores como João Madureira, Ivan Moody, Andrew Smith e Dimitris Andrikopoulos.

Colabora regularmente com o Cardo Roxo, ensemble dedicado à recuperação e divulgação de música tradicional portuguesa, tendo participado nos CD Vai-te Cuca, Volto já e Borda d’Água.

É investigador do Centro de Estudos Clássicos e Humanísticos de Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra desde Março de 2013 onde se dedica ao estudo, edição e interpretação do repertório musical português do século XVII.

Dirige O Bando de Surunyo, ensemble que criou em Setembro de 2015, dedicado à interpretação e divulgação de música ibérica e europeia dos séculos XVI e XVII, contando-se entre o repertório do grupo a estreia moderna de mais de três dezenas de obras inéditas de fontes portuguesas seiscentistas, com particular destaque para o fundo proveniente do mosteiro de Santa Cruz de Coimbra, hoje albergado pela Biblioteca Geral da Universidade da mesma cidade.

[ Bio facultada por Hugo Sanches e publicada a 11 de junho de 2019 ]

Partilhe
Share on Facebook
Facebook