maestro Carlos Silva

Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

Carlos Silva

Direção

Carlos Silva nasceu em Vila Cova da Lixa no ano de 1977. Começou a tocar clarinete aos sete anos de idade na Banda de Música da Lixa, tendo mais tarde estudado no Conservatório de Música de Paredes, no Conservatório de Música do Porto e na Escola de Música do Conservatório Nacional em Lisboa, nas classes dos professores António Costa Santos, Moreira Jorge e Luís Gomes, respetivamente.

Em 1996 ingressou na Banda Sinfónica da Guarda Nacional Republicana, transferindo-se para a Banda Marcial do Porto no ano de 2002.

Participou em masterclass, com professores como: Joaquim Ribeiro, Luís Gomes, Nuno Silva, Carlos Alves e Rui Martins tendo trabalhado especialmente com Herman Stefansson – Solista da Filarmónica Real de Estocolmo, Guy Deplus – Solista da Ópera de Paris, entre outros.

Integrou a Orquestra Lusíada (Lisboa) e tem sido convidado para efetuar concertos em diversas orquestras com destaque especial para a orquestra de gala da queima das fitas de Coimbra (2003), Orquestra “Sine Nomine”, Orquestra do Norte e OIDO (Orquestra Internacional de Diretores de Orquestra) tendo com isso oportunidade de trabalhar com maestros e solistas de renome internacional.

Efetuou vários recitais pelo País e integra alguns grupos de câmara com destaque para o Quarteto de Clarinetes da “Banda Marcial do Porto” da Guarda Nacional Republicana e o Quarteto de Clarinetes do Conservatório do Vale do Sousa. Tem sido várias vezes convidado para integrar júris em concursos, festivais e ministrar masterclasses.

Com uma especial dedicação pela direção, orienta diversos grupos instrumentais e corais, tendo participado em vários cursos de direção de orquestra, de banda e de coro com reconhecidos maestros, tais como: Cesário Costa, Jacinto Montezo, Barbara Frank, Jorge Matta, Eugénio Amorim, Pedro Monteiro, André Granjo, Ignacio Petit, Van der Roost, Jose Rafael Vilaplana, Ernst Schelle, Mark Heron, Francisco Navarro Lara, entre outros. Entre 1996 a 2006 foi Maestro do Grupo Coral Cultural e Recreativo Polifidelis–Penafiel. É frequentemente convidado para dirigir diversos grupos corais e instrumentais.

Foi coordenador de seis edições do Estágio de Orquestra de Sopros do Conservatório do Vale do Sousa desde o ano letivo 2010/11.

Concluiu frequência do Nível Superior em Direção na Escuela de Dirección de Orquesta y Banda “Maestro Navarro Lara” com certificação pela ABRSM (Associated Board of the Royal Schools of Music). Foi co-autor de várias edições Best Seller com especial destaque para VADEMÉCUM del Director de Orquestra del Siglo XXI de Francisco Navarro Lara.

Em 2008, Carlos Silva concluiu Licenciatura em Pedagogia do Instrumento (Clarinete) na Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa, com elevada classificação, onde estudou com os professores Carlos Alves, Nuno Madureira e António Rosa. Em 2010, concluiu Mestrado em Ensino da Música na Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa sob a orientação de José Abreu. Em 2019, concluiu Mestrado em Música/Ramo Direção, no Departamento de Comunicação e Arte da Universidade de Aveiro sob a orientação de Evgueni Zoudilkine com elevada classificação.

Lecionou em várias escolas de música, nomeadamente no Conservatório de Música de Felgueiras e no Conservatório de Música de Basto. Foi professor/maestro da Orquestra de Sopros do CVS entre os anos letivos 2009/10 ao 2016/17, tendo obtido o 1º Prémio/2º Lugar na Categoria Académica no III CIB Filarmonia D’Ouro.

Atualmente, leciona a disciplina de Clarinete no Conservatório de Vale de Sousa e é Diretor Artístico da Banda da Associação Musical de Freamunde.

[ Bio facultada por Carlos Silva e publicada na Meloteca a 07 de dezembro de 2019 ]

Partilhe
Share on Facebook
Facebook