BIBLIOGRAFIA DA MÚSICA RELIGIOSA

EM PORTUGAL NO SÉC. XX

1. MAGISTÉRIO EPISCOPAL

1. 1. BISPOS

1. 1. 1. ANTES DO CONCÍLIO

BARROSO, A. J. S., bispo do Porto, Música nas Egrejas, in Boletim da Diocese do Porto 3 (1916) 185-187.

LEÃO, A. B., bispo do Porto, Música Sacra, in BDP 6 (1919) 570-575.

ANTÓNIO, bispo de Coimbra, Festas religiosas, in Lm 3(1939)184.

SOUSA, A. J., bispo do Porto, Provisão sobre orfeões e ensaios, in Lm 6(1942)722.

CEREJEIRA, M., Cardeal Patriarca, Provisão sobre festas, in Lm 7(1943)3.

SOUSA, A. J., bispo do Porto, Observações sobre a legislação diocesana relativa a festas, in Lm 8(1944)396-397.

OLIVEIRA, E. S., bispo de Coimbra, Provisão sobre festas, in Lm 14(1950)488-490.

CEREJEIRA, M., Cardeal Patriarca, Liga de Acção Litúrgica e Paroquial, in Lm 18(1954)328-329.

EPISCOPADO PORTUGUÊS, As atitudes comuns dos fiéis nas missas chamadas comunitárias, in Lm 24(1960)91.

1. 1. 2. DEPOIS DO CONCÍLIO

JOÃO, bispo de Lamego, Breve guia da celebração da missa segundo a nova reforma litúrgica para o clero da Diocese de Lamego, in Lm 29(1965) 243-263.

ALTINO, bispo de Sá da Bandeira, Carta Pastoral sobre a Reforma Litúrgica da missa, in Lm 29(1965)263-268.

FLORENTINO, bispo do Porto, Comissão Episcopal de Liturgia, in Lm 30 (1966)762.

ANTÓNIO, bispo de Vila Real, Nomeação da Comissão Diocesana de Liturgia, in Lm 32(1968)223.

GONÇALVES, J., bispo auxiliar de Braga, Homilia sobre o canto litúrgico, in Nova Revista de Música Sacra 22 (1982) 1-2.

—, Liturgia matrimonial , in NRMS 26 (1983) 1-3.

MONTEIRO, A. X., bispo de Lamego, Dr M. Faria, in memoriam, in NRMS 26 (1983) 1-3.

PINHEIRO, C. F. M., bispo auxiliar de Braga, Homilia no encontro dos grupos corais paroquias do arciprestado de Vila Nova de Famalicão em Riba d’Ave-6 de Julho de 1986 , in NRMS 38 (1986) 1-3.

REBIMBAS, J. T., bispo do Porto, Cantai ao Senhor um cântico novo, in Boletim de Música Litúrgica 63 (1986) 2-5.

—, O novo órgão de tubos na Sé Catedral do Porto, in NRMS 37 (1986) 2-3.

ORTIGA, J., bispo auxiliar de Braga, Participação litúrgica através do canto |Homilia no Encontro de Coros Paroquiais do Arciprestado de Barcelos, no dia 9 de Julho de 1989|, in NRMS 52 (1989) 2.

NOGUEIRA, E. D., bispo de Braga, A Música Sacra é acto de louvor a Deus, in NRMS 58 (1991) 1-2.

1. 2. 1. CONFERÊNCIA EPISCOPAL

EPISCOPADO PORTUGUÊS DA METRÓPOLE, Nota sobre a aplicação das normas do “motu proprio” Sacram Liturgiam, in Lm 28(1964)92-96; Ora et Labora 12(1965)491-498.

CONFERÊNCIA EPISCOPAL PORTUGUESA, Nota sobre o canto litúrgico, in Lm 46 (1985) 423-426 |22 de Novembro de 1985|.

1. 2. 2. COMISSÃO EPISCOPAL DE LITURGIA

COMISSÃO EPISCOPAL DE LITURGIA (PORTUGAL), Esclarecimentos, in Lm 29(1965)16-20, 151, 155, 330, 495, 335, 670.

—, |Nomeação da Comissão Portuguesa de Música Sacra|, in Lm 29(1965)240.

—, Normas Litúrgicas, in Lm 32 (1967) 836-856.

2. ESTUDOS

ACTA do Congresso Litúrgico Nacional Romano-Bracarense (Braga: Empresa da “Acção Católica 1927) 84-103.

ALEGRIA, J. A., Presença ou ausência do espírito do “Motu Proprio” sobre a “Musica Sacra”?, in Lm 18 (1954) 100-107.

—, O canto popular religioso, in Lm 19 (1955) 465-471.

—, Pio XII e a Música Sagrada, in Lm 20 (1956) 184-188.

—, Os cânticos da Missa e o povo, in Lm 21 (1957) 201-210.

— , A música religiosa portuguesa perante o passado e o presente, in Lm 22 (1958) 201-211.

—, A atitude popular nas igrejas e a legislação canónica portuguesa, in Lm 22 (1958) 31-39.

—, O futuro da nossa música religiosa, in Lm 22 (1958) 474-485.

—, O Concílio, o latim e a música, in Lm 28 (1964) 493-499.

— , Equívocos litúrgicos, in Lm 30 (1966) 309-314.

—, Canto Gregoriano, in Verbo Eciclopédia Luso Brasileira de cultura. Vol. 9, 1030-1032.

—, Música Sacra, in Verbo Eciclopédia Luso Brasileira de cultura. Vol. 13, 1602-1604.

— , A música litúrgica e as interferências populares (A aplicação ao caso português) |separata da Lumen |. s.d.

ALMADA, B., A música no templo, in Lm 4 (1940) 526-531.

—, Modo de executar a música sacra, in Lm 4 (1940) 711-718.

ALMENDRA, J., O 3º Congresso Internacional de Música Sacra, in Canto Gregoriano nº 4 (1957) 3-7.

—, Pio XII e o Canto Gregoriano, in CG nº 8 (1958) 2-4.

—, Pedagogia musical segundo o método Ward, in Cen 30(1968-69)146-152.

ALVES, J., Programa Musical de uma pastoral litúrgica, in OL 13 (1966) 280-297.

AMORIM, M., A Música Litúrgica nas Celebrações do Tríduo Pascal, in BPL 29-31 (1983) 102-115.

—, O coro litúrgico na liturgia do Concílio Vaticano II, in BML 88/89 (1991) 2-8.

—, O renascimento, em Portugal, da cultura musical para órgão, in BML 117(1996)81-85; 121/122(1997)62-67; 123/124(1998)2-4.

ANTUNES, J. P. C., “Soli Deo Gloria”. Um contributo interdisciplinar para a fundamentação da dimensão musical da liturgia cristã = Humanística e Teologia 10 (Porto: UCP; Fundação Eng. António de Almeida 1996).

BARBOSA, J. A., Presença de Jesus na assembleia que canta, in NRMS 31 (1984) 2-4.

—, Sentido de Deus na assembleia que reza e canta, in NRMS 31 (1984) 2-4.

BORDA, A., Evocação do Pe M. de Carvalho Alaio, in NRMS 48 (1988) 1-2.

BRÁS, M., Os seminários e a cultura musical , in Boletim Mensal de Vulgarização das questões paroquiais 2-3 (1948-1949) 12-15; Lit 2(1948)12-15, 41-46, 64-70.

BRITO, M. C., Estudos de História da Música em Portugal Imprensa Universitária, 78 (Lisboa: Editorial Estampa 1989).

CARNEIRO, A., A música em Braga (Braga 1959).

CARVALHO, J. M., Restauro do órgão da Sé de Braga (do lado do Evangelho), in NRMS 40 (1986) 1-3.

—, Restauro dos órgãos da Sé de Braga, in NRMS 53 (1990) 1-3.

COELHO, A., OSB, Missas cantadas-Missas solitárias, in OD 5 (1930/31) 254-261.

—, Curso de Liturgia Romana I (Singeverga: Edições Ora et Labora 1950, 3 ed).

COSTA, M. G., Cantores e instrumentistas da Catedral de Lamego (Lamego 1992).

CRUZ, A., O canto da Igreja, in OD 1 (1926/27) 238-243.

CUNHA, J., Da música e do canto como imagem da unidade da Igreja, in BML 38 (1980) 7-8.

—, A Igreja e o canto gregoriano, in BML 40 (1981) 8-9.

—, João XXII e a polifonia nascente, in BML 41 (1981) 8-9.

—, O Concílio de Trento e a Música, in BML 42 (1981) 5-6.

—, Bento XIV: a encíclica “Annus qui”, in BML 43 (1981) 8-9.

—, Pio X: O Movimento Litúrgico e a música sacra, in BML 44 (182) 8-9.

—, Música e participação na liturgia, in BML 45 (1982) 8-9.

—, O órgão e a liturgia, in BML 46 (1982) 6-7.

FARIA, C., Manuel Faria. Vida e obra (Câmara Municipal de Famalicão 1998).

FARIA, F., A Música de M. Faria. A Fidelidade ao Espírito, in NRMS 27/28 (1983) 1-7.

FARIA, M., A Encíclica “Musicae Sacrae Disciplina” de S. S. Pio XII, in Lm 20 (1956) 174-178.

—, O motu proprio de Pio X e a Música Moderna (Braga: Tipografia da Oficina de S. J. 1957).

—, A música sacra do Pe. Tomaz Borba, in Cen 29(1968-69)48-53.

—, A função da Música Sacra, in NRMS 2 (1971) 1-2.

—, Música Sacra e destemperos publicitários, in NRMS 6 (1972) 19-20.

—, Problemas actuais da Música Sacra, in Cen 49(1972-73)26-30.

—, Cânticos, música e instrumentos musicais na celebração litúrgica (Braga 1976) |Manuscrito|.

—, O pensamento da Igreja a respeito da sua música (Braga 1976-77) |separata da Celebração Litúrgica |.

—, Homilia do IV Encontro de Coros Paroquiais do arciprestado de Famalicão, in NRMS 14 (1980) 2-3.

FARIA, S., Autores dos Hinos da Liturgia das Horas , in BPL 13 (1979) 26-29.

FERREIRA, A., A propósito de “Equívocos Litúrgicos”, in Lm 30 (1966) 498-499.

FERREIRA, A. J., A fé e o canto. Ensaio de leitura teológica do canto religioso em português (1903-1963) (Porto 1991) |Tese de licenciatura orientada pelo Dr João Peixoto|.

FERREIRA, J., Evocação do Padre M. Luis, in NRMS 27-28 (1983) 1-2.

—, O que a liturgia pede à música, in BPL 69 (1993) 25-34.

—, Nos 80 anos, in Novellae Olivarum 22 (1998).

—, Os mistérios de Cristo na Liturgia (Secretariado Nacional de Liturgia 1998).

FERREIRA, P., Padre M. Simões, SJ, in BPL 77 (1995) 23-25.

GAVINA, L. A., Música: conflito de gerações?, in Cen 38-39(1970-71)151-160.

HENRIQUES, M., O Órgão de tubos: símbolo da assembleia que canta, in BML 90/91 (1991) 42-48.

LAVAJO, J. C., Música sacra pós-conciliar. À procura da sua identidade , in Lm 45 (1984) 343-345.

LUIS, M., Critérios fundamentais para escolher os cânticos litúrgicos , in BPL 4 (1977) 25-32.

—, A música na liturgia a partir do Vaticano II, in BPL 11/12 (1978) 57-68.

—, O canto na celebração dos Sacramentos da Iniciação Cristã, in BPL 20/21 (1981) 134-147.

—, O Salmo Responsorial, in BML nº 26, 2-9.

MATTA, J., Música e espiritualidade, in Christus (Junho de 1997, ano 1) 60-61.

MIRANDA, P. C. L., Música Sacra evolui, in Brot 138 (1994) 363-380.

—, O difícil evoluir da Música Sacra (I) Do maneirismo à modernidade, in Brot 139 (1994) 363-379.

—, O difícil evoluir da Música Sacra (II) Do maneirismo à modernidade, in Brot 139 (1994) 461-474.

—, Evolução da Música Sacra, in Brot 140 (1995) 309-327.

NERY, R. V.; CASTRO, P. F., Histoire de la Musique =Synthèses de la Culture Portugaise (Lisboa: Imprensa Nacional – Casa da Moeda 1991).

NOGUEIRA, E. D., A restauração litúrgica e a “Mediator Dei”, in Lm 18 (1954) 69-75.

OLIVEIRA, A., A liturgia é uma acção sonora, in OL 15 (1968) 150-169.

OLIVEIRA, A. A., Liturgia, Festa da presença de Cristo: Música e assembleia , in NRMS 44 (1987) 1-3.

—, A Constituição sobre a Liturgia e a renovação da Música Sacra, in NRMS 54 (1990) 1-3; 55 (1990) 1-3.

—, Os cantos do Missal, in NRMS 63 (1992) 1-4.

—, A Música, expressão sublime da comunicação com Deus, in NRMS 75 (1995) 1-3.

OLIVEIRA, T. G., O.S.B., Movimento Litúrgico em Portugal, in OL 1(1954)7-17.

PEREIRA, F., Música: de Deus para o homem e do homem para Deus, in NRMS 76 (1995).

PEREIRA, J. A., Música Sacra, in BDP 9 (1923) 183-184.

RAMOS, A., Reflexão Pastoral sobre os 20 Anos de Reforma Litúrgica do Vaticano II em Portugal, in Lm 46 (1985) 329-336.

RAMOS, A.-RIBEIRO, L. R., Congresso Internacional de Liturgia (Roma, 1982), in BPL, 26 (1982) 16-18.

RIBEIRO, J. S., A Renovação Litúrgica. Desfazendo “equívocos”, in Lm 30 (1966) 866-872.

—, Pela renovação litúrgica, in Lm 31 (1967) 717-727.

—, Uma carta extraviada, in NRMS nº 3, IV (1977) 20.

RODRIGUES, L., Legislação eclesiástica sobre a música religiosa, in Lm 2 (1938) 288-298.

ROJO, C., A Música Religiosa em Portugal, in OD 4 (1929/30) 155-158.

SANTOS, A. F., Música rítmica, uma esperança para a Liturgia do nosso tempo ?, in OL 20 (1974) 53-56.

—, Os vários ministros da música na liturgia, in BPL 11/12 (1978) 29-44.

—, Evocação do Pe M. Luis, in BPL 21/24 (1981) 148-149.

—, O canto na celebração da Liturgia das Horas, in BPL 21/24 (1981) 134-147.

—, O Canto da Assembleia Litúrgica, in BPL 33/36 (1984) 108-125.

—, Evocação de Palestrina e Orlando di Lasso, in BPL 76 (1994) 154-156.

—, Palavras de Encerramento do Primeiro Curso Nacional de Música Litúrgica , in BPL 76 (1994) 151-153.

SARMENTO, A. C. R., O Canto, laço da paróquia, in OD 6 (1931-32) 467-476.

SILVA, J. F., A crise da Música Litúrgica, in NRMS 14 (1980) 3-4.

—, A música religiosa coral e instrumental de Barcelos e seu termo , in NRMS 56 (1990) 1-2.

SILVA, M. E. G., A função da música na liturgia, in Lm 40 (1979) 13-14.

SIMÕES, M., Breves notas sobre as missas com crianças, in NRMS 30 (1984) 1-3.

—, O Padre Alaio e a Escola de Braga, in NRMS 48 (1988) 2-3.

SOUSA, C. B., A Música na Liturgia, segundo o capítulo VI da Constituição conciliar , in OL 11 (1964) 111-117.

SOUSA, P. G. A., A Música na liturgia, in NRMS 58 (1991) 2.

TROCADO, J., O canto gregoriano, in OD 6 (1931/32) 233-243.

VALENÇA, M., Para um repertório de autêntica Música Sacra, in NRMS 9 (II série)1-2.

—, O órgão na história e na arte (Braga 1987).

—, No IV centenário de Palestrina, in NRMS 71/72(1994)3-5.

—, A arte organística em Portugal – depois de 1750 (Braga 1995).

VENÂNCIO, F., A Música na Liturgia. Um problema actual, in Lm 32 (1968) 118-123.

ZEZINHO, P., Cantar é um serviço que a Igreja me pede, in Lm 55 (1994) 460-462.

3.1 PEQUENOS ARTIGOS ANÓNIMOS

A música gravada e o uso aparelhos sonoros na liturgia, in BML n° 33, 2-9.

A música litúrgica no pensamento da igreja , in BML n° 5 (1972) 2-5.

Alguns amáveis conselhos a um animador litúrgico, in BML n° 123/124(1998)31-32 .

As aclamações, in BML n° 27, 2-9.

Canto de comunhão, in BML n° 50 (1983) 2-7 .

Como escolher um repertório para a liturgia, in BML n° 47 (1982) 2 -4.

Como preparar o canto da assembleia?, in BML n° 41 (1981) 2-7.

Conselhos sobre música litúrgica, in BML n° 86/87 (1991) 98-99.

Cordeiro de Deus (canto da fracção), in BML n° 57 (1984) 2-4.

Credo, in BML n° 56 (1984) 3-6.

Glória a Deus nas alturas, in BML n° 54 (1983) 2-5; 26(1999)2-5, 42 -46, 82-86.

Ite missa est: um cântico final?, in BML n° 52 (1983) 2-3.

Kyrie eleison, in BML 26(1998)42-47, 82-84.

Música e canto para uma celebração que evangelize, in BML n° 123/124 (1998) 32-33.

Música litúrgica, um serviço laical na comunidade cristã, in BML n° 38 (1980) 2-6.

Música na evangelização, in BML n° 10 (1974) 2-5; 11 (1974)3-6; 12 (1974) 2-4.

O animador do canto da assembleia, in BML n° 93 (1991) 2-5.

O canto de entrada da missa, in BML n° 48 (1982) 2-7.

O canto de ofertório, in BML nº 49 (1982) 2-8.

O canto de vésperas, in BML n° 31, 2-9.

O canto na celebração da confirmação, in BML n° 84/85 (1990) 51-53.

O canto na celebração do baptismo das crianças, in BML n° 83 (1989) 7-9.

O canto na celebração, in BML, n° 94 (1992) 22-23.

O canto no processo ritual da iniciação cristã, in BML n° 75/76 (1988) 42-46; 77 (1988) 82-88.

O canto pós-comunhão, in BML n° 51 (1983) 2-7.

O coro na liturgia, in BML n° 40 (1981) 2-7.

O hino e a celebração eucarística, in BML n° 24 (1977) 2-8.

O órgão de tubos ao longo da história / o grande órgão de tubos da sé catedral do Porto, in BML n° 60 (1985) 62-76).

O que é e o que não é a música litúrgica, in BML n° 28(1978) 2-7; 29 (1978)2-8; 30 (1978) 2-6.

O que se canta hoje na missa é música litúrgica? Um diálogo proveitoso, in BML n° 78/79 (1989) 35-38.

O tesouro musical da igreja, in BML n° 60 (1985) 42-46.

Os “pueri cantores”, in BML n° 95/96 (1992) 42-48; 97 (1992) 82-88.

Os actores da celebração litúrgica, in BML n° 39 (1980) 2-7.

Que música para a liturgia do nosso tempo?, in BML n° 43 (1981) 2 -7.

Senhor tende piedade de nós, in BML n° 55 (1984) 2-5.

Uso de instrumentos na liturgia, in BML n° 32, 2-5.

4. REVISTAS COM INTERESSE LITÚRGICO-MUSICAL

Boletim de música litúrgica (Porto).

Boletim de pastoral litúrgica (Aveiro).

Canto Gregoriano. Órgão do Centro de Estudos Gregorianos (Lisboa).

Liturgia (Singeverga).

Lumen (Lisboa).

Música sacra. Revista mensal de música religiosa (Coimbra).

Nova revista de música sacra (Braga).

Opus Dei (Singeverga).

Ora et labora (Singeverga).

SIGLAS E ABREVIATURAS

BDP – Boletim da Diocese do Porto

BIL – Boletim de Informação Litúrgica

BIP – Boletim de Informação Pastoral

BML – Boletim de Música Litúrgica

BPL – Boletim de Pastoral Litúrgica

Brot. – Brotéria

CAA – Cantai com arte e com alma

CEL – Conferência Episcopal de Liturgia

Cen- Cenáculo

CEP – Conferência Episcopal Portuguesa

Cf. – conferir

CNS – Cânticos a Nossa Senhora

Compil. – compilação

CS – Cantai ao Senhor

CSCN – Cantai ao Senhor um cântico novo

CT – Cantemos Todos

DM – Devocionário Musical

ENPL – Encontro Nacional de Pastoral Litúrgica

GS – Gaudium et Spes

Ibid. – Ibidem

ID. – IDEM

Instrum. – instrumentação

Lit – Liturgia

LG – Lumen Gentium

Lm – Lumen

MD – Mediator Dei

MS – Musicam Sacram

MSD – Musicae Sacrae Disciplina

NCT – Novo Cantemos Todos

NL – Normas Litúrgicas

NRMS – Nova Revista de Música Sacra

OD – Opus Dei

OL – Ora et labora

org. – organização

s.p. – sem página

SC – Sacrosanctum Concilium

TS – Tra Ia Sollecitudini

Vol. – volume

Meloteca, 05 Setembro 2007

Cantemos Todos

Partilhe
Share on Facebook
Facebook