Bio+

Micro-sítios Meloteca
Clique para criar o seu micro-sítio

António Casal

Percussão

António Casal nasceu em 1984. Começou a aprender guitarra aos 7 anos com a sua mãe e teve aulas particulares de órgão aos 9 anos.

Iniciou os estudos de percussão com o baterista João Maneta, na Banda Filarmónica de S. Tiago de Marrazes e mais tarde ingressa no Conservatório de Artes do Orfeão de Leiria.

Ingressou na Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo (ESMAE) em 2006, onde concluiu com sucesso o curso de Percussão na classe dos professores Manuel Campos, Miquel Bernat e Nuno Aroso. Teve como professores de repertório e excertos de percussão de orquestra, os professores: Jean François Lézè e Rui Sul Gomes.

Participou em classes de aperfeiçoamento e estágios com: Markus Leoson, Kunihiko Komori, Rainer Seegers, Ney Rosauro, Rogério Bucato, Vinicius Barros, Machumbi Zango, Pedro Carneiro, Stevens Chick, Pedro Moreira, João Moreira, Pedro Madaleno,Alexandre Frazão, Nelson Cascais entre outros.
Frequentou o curso livre de vibrafone de Jazz na classe de Jeffery Davis durante 2 anos.

Obteve o 1º prémio em 2 edições do concurso “Jovens Talentos” da Escola de Música do Orfeão de Leiria e no primeiro concurso nacional de caixa de Aveiro. Foi-lhe atribuída a menção honrosa no “Prémio Helena Sá e Costa”.

Já colaborou/colabora com diversas formações entre as quais: Orquestra da Póvoa de Varzim; Orquestra da Beira Interior; Coro Misto da Covilhã; Banda Sinfónica Portuguesa; Orquestra de Sopros do Orfeão de Leiria; Orquestra de Sopros de Alcobaça; Coro Colliponensis entre outras formações.

Participou em diversas gravações de CD destacando-se: Conservatório de Artes Orfeão de Leiria, intitulado “Orfeão no seu Melhor”(2005) e no projecto didáctico “Os Amigos do Zéthoven”(2008);

É um dos membros fundadores e integrantes do quinteto de jazz “AllJazzEra”, e do ensemble FMI (Frente de Música Improvisada);
Apesar dos projectos musicais onde está envolvido, também se apresenta regularmente a solo;

Em Maio de 2008, apresentou-se como solista acompanhado pela Orquestra Filarmonia das Beiras, com o primeiro “Concerto para Marimba e Orquestra” de Ney Rosauro, no Teatro José Lúcio da Silva.

Integra o projecto criado recentemente “Duo de Jazz António Casal e Ismael Silva” (marimba e vibrafone).

Partilhe
Share on Facebook
Facebook