Lista dos órgãos de tubos do distrito de Évora [ 30 ]

CONCELHOS

Alandroal [0]

.

Arraiolos [1]
  • Igreja Matriz de Arraiolos [ Igreja Paroquial ] [ Nossa Senhora dos Mártires ]

.

Borba [3]
  • Igreja da Misericórdia [ da Santa Casa da Misericórdia de Borba ]: órgão histórico da autoria de Pascoal Caetano Oldovini (Oldoni, Oldovino ou Olduvini), 1771.
  • Igreja Paroquial de São Bartolomeu: órgão histórico da autoria de António Xavier Machado e Cerveira, opus 75, 1808.
  • Igreja Matriz de Borba [ Igreja de Nossa Senhora das Neves ] [ de Nossa Senhora do Sobral (ou Soveral) ]: órgão histórico da autoria de António Xavier Machado e Cerveira, [ opus 89, 1819 ? ].

.

Estremoz [2]
  • Igreja de São Francisco [ do Convento de ] : órgão histórico [ I; 2(4+4) ] construído por Manoel Francisco Coelho Guimarães em 1790, restaurado pela Oficina e Escola de Organaria, em 1999, opus 26.
  • Igreja do Convento de Nossa Senhora da Consolação

.

Évora [15]
  • Igreja da Misericórdia de Évora, coro: órgão histórico da autoria de Pascoal Caetano Oldovini (Oldoni, Oldovino ou Olduvini), 1764.
  • Igreja do Convento das Mercês: órgão histórico da autoria de Pascoal Caetano Oldovini (Oldoni, Oldovino ou Olduvini), 1762.
  • Igreja de Nossa Senhora do Carmo: órgão histórico da autoria de Pascoal Caetano Oldovini (Oldoni, Oldovino ou Olduvini), 1744.
  • Igreja de Nossa Senhora da Graça do Divor
  • Igreja de São Francisco [ do antigo convento ]
  • > Capela-mor, lado do Evangelho
  • > Transepto direito da nave: órgão positivo histórico [ I; 3 (0+1) ] de Pascoal Caetano Oldovino, 1762, restaurado pela Oficina e Escola de Organaria, em 2004, opus 47.
  • > Tribuna real
  • Igreja do antigo Convento do Espinheiro [ Nossa Senhora do Espinheiro ]: órgão histórico da autoria de Pascoal Caetano Oldovini (Oldoni, Oldovino ou Olduvini), data desconhecida.
  • Igreja do Convento de Nossa Senhora dos Remédios
  • Igreja do Espírito Santo
  • Igreja dos Lóios [ São João Evangelista ]
  • Igreja Matriz de Santo Antão
  • Igreja Matriz de São Miguel de Machede [ São Miguel Arcanjo ]
  • Sé de Évora
  • > tribuna à entrada
  • > capela-mor, lado do Evangelho: órgão histórico da autoria de Pascoal Caetano Oldovini (Oldoni, Oldovino ou Olduvini), 1758.
Sé de Évora

Sé de Évora

.

Montemor-o-Novo [2]
  • Igreja da Misericórdia [ da Santa Casa da Misericórdia de Montemor-o-Novo ]: órgão histórico da autoria de Pascoal Caetano Oldovini (Oldoni, Oldovino ou Olduvini), 1752.
  • Igreja Matriz de Montemor-o-Novo [ Igreja Paroquial ]

.

Mora [0]

.

Mourão [0]

.

Portel [1]
  • Igreja da Misericórdia [ da Santa Casa da Misericórdia de Portel ]

.

Redondo [0]

.

Reguengos de Monsaraz [1]
  • Igreja Matriz de Reguengos de Monsaraz [ Igreja Paroquial ]: órgão histórico da autoria de Pascoal Caetano Oldovini (Oldoni, Oldovino ou Olduvini), 1743.

.

Vendas Novas [0]

.

Viana do Alentejo [0]

.

Vila Viçosa [5]
  • Capela do Paço Ducal:
  • > antigo Colégio dos Santos Reis Magos: órgão histórico da autoria de Pascoal Caetano Oldovini (Oldoni, Oldovino ou Olduvini), 1777.
  • Igreja da Misericórdia [ da Santa Casa da Misericórdia de Vila Viçosa ] [ São Bartolomeu ]
  • Igreja do [ antigo ] Convento de Santa Cruz / Museu de Arte Sacra Dom Manuel Mendes da Conceição Santos
  • Igreja dos Agostinhos [ do Mosteiro ou Convento de Santo Agostinho ] [ de Nossa Senhora da Graça ] [ do Seminário de São José [ do Convento de Santo Agostinho ] [ Panteão dos Duques de Bragança [ de Nossa Senhora da Graça da Ordem de Santo Agostinho ]: órgão histórico da autoria de Pascoal Caetano Oldovini (Oldoni, Oldovino ou Olduvini), 1760.
  • Santuário de Nossa Senhora da Conceição [ Igreja ]

Fontes gerais da Organoteca:

Oficina e Escola de Organaria, Dinarte Machado Atelier Português de Organaria, José Alberto Rodrigues, Victor Oliveira, Francisco Falcão, António Simões, Órgãos de Portugal, Nuno Rigaud, Luís Santos, António José Ferreira, Nuno Mimoso, Amílcar Silva, José Carlos Arantes, António Fonseca, autarquias.

0 comentários

Deixe um comentário

Quer participar?
Deixe a sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *