Musicalbi em Castelo Branco

Beira Baixa

Onde as searas cruzam o granito
e a voz do longe é feita de suor.
A suave beleza solitária
das oliveiras raras numa encosta.
A estranha consolação das giestas,
tão floridas em campos desolados.
E a verde esperança filha da sem esperança.

A estranha consolação das giestas,
tão floridas em campos desolados.
E a verde esperança filha da sem esperança.

Beira Baixa

(António Salvado, in “Interior à Luz”, 1982)

Onde as searas cruzam o granito
e a voz do longe é feita de suor.

A suave beleza solitária
das oliveiras raras numa encosta.

A estranha consolação das giestas
tão floridas em campos desolados.

E o verde esperança filho da sem esperança.

Poema: António Salvado (ligeiramente adaptado)
Música: António Pedro
Intérprete: Musicalbi
Versão original: Musicalbi (in CD “Solidão e Xisto”, Musicalbi, 2019)

Musicalbi em Castelo Branco
Musicalbi no Cine-Teatro Avenida, Castelo Branco, 12/01/2019, no lançamento do CD Solidão e Xisto.
0 comentários

Deixe um comentário

Quer participar?
Deixe a sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *