Fátima Fonte

Lista de Obras

FÁTIMA FONTE

Título . Instrumentação . Data . Duração . Apresentações públicas (local, data e intérpretes)

Adormecer
Orquestra 2007 5’ Teatro Helena Sá e Costa (ESMAE), Porto (2007). Interpretação: Sinfonieta da ESMAE.

A Civilização
Soprano e ensemble 2007 9’ Primeiro prémio no “Concurso Internacional de Composição da Póvoa de Varzim” (2007). Interpretação: Ensemble Camerata Senza Misura e Raquel Camarinha (soprano).

Arabesco
Fagote 2007 3’ Encomenda da Antena 2/ RTP para o Prémio Jovens Músicos (2007).

Claro-Escuro
Eletrónica (tape) 2008 5’40 ESMAE (2008). “Festival Atlante Sonoro XXI”, Roma (2011).
Andaluz Ensemble 2008 8’30 Ensaio aberto na Casa da Música (2008). Interpretação: Remix Ensemble.

Verão
Orquestra 2008 5’ Alcoutim (Algarve, 2008). Interpretação: Orquestra do Algarve.

In the middle
Kamancha, Duduk, Tar, Qanun, Harp. 2011 5’ Workshop Atlas Academy 2011, Conservatório de Amsterdam. Interpretação: Elshan Mansurov (Azerbeijão, Kamancha), Gevorg Dabaghian (Arménia, Duduk), Elchin Nagijev (Azerbaijan, Tar), Bassem Alkhouri (Síria, Qanun), e Ernestine Stoop (Holanda, Harpa).
Lavava y suspirava Ensemble 2011 3’ Den Bosh (Holanda) e Concertgebouw Amsterdam (2011). Interpretação: Nieuw Ensemble.

Sul
Ensemble 2011 8’30 Conservatório de Amsterdam (2011); Interpretação: Nieuw Ensemble. Teatro Nacional de São Carlos (2019); Interpretação: Orquestra Sinfónica Portuguesa sob direção de Mark Simpson.

The Fountain
Vídeo e três vozes femininas 2012 14’ Conservatório de Amsterdam (2012). Interpretação: Fátima Fonte, Laura Polence e Magdalena Golebiowska.

Floating
Pequeno ensemble 2012 10’ Reggio Emilia (2012). Huddersfield Contemporary Music Festival (UK, 2012). Interpretação: Icarus Ensemble (Itália)

A bird in the garden
Orquestra e duas sopranos 2013 3’ Apeldoorn (Holanda, 2013). Gaudeamus Music Week (Holanda, 2013). Interpretação: orkest de ereprijs, Gosia Stencel (soprano) e Ginette Puylaert (soprano). Peça participante na Tribuna Internacional de Compositores 2018.

Música para o espetáculo de Storytelling “Speechless” Piano, vozes, e pequenos instrumentos 2013 50’ Ostadetheater (Amsterdam, 2013). Interpretação: Fátima Fonte com o coletivo Spindlevine.

Música para a peça de teatro “Uma Aventura no Espaço” do Teatro de Ferro Piano, vozes, pequenos instrumentos 2013 50’ Teatro do Campo Alegre (2013), Teatro Carlos Alberto, Teatro São Luiz, Espaço do Tempo (Montemor-o-Novo), Centro Cultural Vila Flor, entre outros (2013-2019). Interpretação: Fátima Fonte com o Teatro de Ferro.
Branca estais colorada Coro de vozes femininas 2013 5’ Menção Honrosa no Prémio Internacional de Composição Fernandes Lopes Graça (2013).

Opera buffa “A Querela dos Grilos”
Soprano, Barítono e grupo de câmara 2014-2015 50’ Libreto de Tiago Schwäbl.
Auditório de Esposende (2014), Teatro do Campo Alegre, Teatro Municipal Sá de Miranda, Auditório de Lousada, Auditório do Conservatório de Música de Coimbra, Festival Noite Branca em Braga (2015). Interpretação: Quarteto Contratempus com Job Tomé (barítono).
Auditório Vita, em Braga (2019). Interpretação: Ana Santos (soprano), João Barros (barítono), Ana Freijo (piano), Ana Oliveira (violoncelo) e Frederic Cardoso (clarinete).

Música para o espetáculo “ECO” do Teatro do Frio Harpa, Violoncelo, Violino e Flauta. 2017 15’ Parque de S.Paio, Vila Nova de Gaia (2017). Interpretação: Ana Isabel Oliveira (violoncelo), Sílvia Cancela (flauta), Angélica Salvi (harpa) e Henrique Apolinário (violino).

Era uma vez eu-alface
Orquestra e narrador 2018 14’ Conto de Tiago Schwäbl.
Teatro Nacional São Carlos (2018 e 2019). Interpretação: Orquestra Sinfónica Portuguesa e Mário Alves (narrador).

Breve desassossego
Orquestra, soprano e barítono 2019 6’40 Fundação Calouste Gulbenkian (2019). Interpretação: Orquestra Gulbenkian, Lara Martins (soprano) e Tiago Matos (barítono).

Coração acordeão
Soprano e piano 2019 11’ Encomenda da Miso Music Portugal. O’culto da Ajuda (2019). Interpretação: Duo Tágide – Inês Simões (soprano) e Daniel Godinho (piano).

Música para a curta metragem de animação “Ana Morphose”, de João Rodrigues
Violoncelo, Harpa e Flauta 2019 10’ Interpretação: Ana Isabel Oliveira (violoncelo), Sílvia Cancela (flauta) e Angélica Salvi (harpa).

0 comentários

Deixe um comentário

Quer participar?
Deixe a sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *