Castanhola da Tabua em forma de avião

Castanholas da Tabua designa um idiofone de madeira tradicional da Ilha da Madeira, especialmente de Ribeira Brava (freguesia da Tabua). “As castanholas da Tabua eram tocadas na época natalícia a caminho das missas do parto e do galo, e por altura das festas e romarias nos meses de verão, é na Tabua, freguesia pertencente ao concelho da Ribeira Brava, e em algumas zonas próximas, que estes instrumentos musicais possuem maior tradição

Era habitual na freguesia da Tabua, juntarem-se grupos de homens, aos Domingos ou à noite, para construírem castanholas com diferentes formas e dimensões, procurando inovar na forma de tocar e nos resultados acústicos obtidos, rivalizando entre si. Existiram dois grupos de tocadores rivais, que embora constituídos por elementos de diversas localidades, eram conhecidos popularmente por Grupo da Ribeira e Grupo dos Zimbreiros sendo muitas vezes o adro da igreja palco destes “despiques”.

Museus da Madeira

Na década de 40, do século passado, formou-se um grupo, a chamada “Requestra da Tábua”, que atuou em diferentes festividades, fazendo parte do cartaz de animação de alguns eventos, nomeadamente no Arraial de S. Pedro (Ribeira Brava) e na Festa das Vindimas (Funchal). Esta rivalidade terá incentivado a construção destes instrumentos, e estará provavelmente na origem do aparecimento de uma maior variedade morfológica, na Ribeira Brava e na Ponta do Sol, concelhos onde estes idiofones de percussão direta adquiriram características muito peculiares, como é o caso das castanholas com grandes dimensões, as castanholas com formas zoomórficas (galinhas ou cabeças de cão) ou o artefacto único, patente nesta exposição, da autoria de Alfredo Rodrigues Luzirão: o “avião de castanholas”. O seu autor, ainda jovem, juntou-se nos anos 40 ao grupo do seu sítio, tendo criado este original instrumento, um sucesso naquela época.

Nos anos 70, a pedido do Escultor António Rodrigues, produziu uma réplica, patente na “1ª Mostra de Instrumentos Musicais Populares” e que foi doada ao Museu Etnográfico da Madeira, pelo escultor, enriquecendo o seu acervo. Arlindo Lourenço, natural da Tabua, ainda se dedica à construção destes artefatos, mantendo viva a tradição. ”

Fonte: Museus da Madeira (acesso a 16 de março de 2020)

Castanhola da Tabua em forma de avião
Castanhola da Tabua em forma de avião
0 comentários

Deixe um comentário

Quer participar?
Deixe a sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *