Guitarra

ANEDOTAS DE INSTRUMENTISTAS

GUITARRISTA NA LOJA

Um rapaz que se julga um ótimo guitarrista, chega à loja de música.
– Boa tarde!
– Boa tarde. – responde o funcionário.
– Posso experimentar esta guitarra?
– Faça favor. – respondeu o funcionário.
Como o rapaz não para de tocar, o vendedor pergunta-lhe:
– O Senhor gosta mesmo de guitarra?
– Claro, para mim é o máximo! – responde o cliente.
– Então, porque não vai aprender?

QUANDO FOR GRANDE

Uma criança diz à mãe:
– Ó mãe, já sei o que vou ser quando for grande!
– Já, filho? Então, que queres ser?
– Quero ser baterista.
A mãe responde:
– Ó filho, decide-te; podes ser baterista, mas tens de escolher também uma profissão!

O MAESTRO E O TROMPISTA

Um maestro com mau feitio dirige a orquestra. De repente, manda parar os músicos e grita zangado:
– Tudo mal! Os violinos estão desafinados… A percussão não entra a tempo… o 1º trompista dá as notas todas erradas…
– Mas ele ainda não chegou, maestro… – diz o 2º trompista.
Interrompe o maestro:
– Então diz-lhe quando ele chegar!

O ACORDEONISTA E A POLÍCIA

Uma mulher polícia bonita aproxima-se de acordeonista ambulante e diz:
– Boa tarde.
– Boa tarde, senhora polícia!
– Os seus documentos…
O músico mostra o cartão do cidadão.
– Faça favor… – diz o músico, entregando o documento.
– Mostre-me a licença de tocar na rua.
– Licença de tocar na rua? Não tenho!
– Então acompanhe-me…
– Acompanhá-la? Com muito gosto!! Que música sabe dançar?

PIANISTA POR NECESSIDADE

Num bar, uma moça aproxima-se do pianista e diz:
– Parabéns, o senhor toca muito bem.
– Obrigado! – agradece o pianista.
– Diga-me: toca só de ouvido ou também por partitura?
– Sabe… eu toco é por necessidade…

O TROMPETISTA SABE O QUE TOCAR

O Alfredo Ralha bate à porta do Rui Tunas. A esposa Joana Prazeres abre a porta.
– Olá!
– Olá, tudo bem? O Rui Tunas está?
– Está… Olha passa o tempo livre a tocar trompete! Vou chamá-lo…
– Então Tunas… Como é consegues tocar tanto tempo? Eu não aguentava…
– A gente precisa de saber o quer… – responde o Rui Tunas.
– E o que queres tu afinal?
– Olha… quero comprar o apartamento vizinho! – responde o músico.

VIOLINISTA NO CONSULTÓRIO

Um violinista vai à psicóloga:
– Boa tarde, Sra. Doutora…
– Boa tarde! O que o traz por cá?
– Sr.a Dra., tenho um problema…
– E qual ó problema? – pergunta a médica.
– Sabe… eu falo enquanto durmo…
A psicóloga responde:
– Bem… isso não é um problema, muitas pessoas falam durante o sono.
– Sim, o problema é que já toda a orquestra se ri de mim!

VIOLONCELISTA E A NOTA ENCONTRADA

Marcelo toca violoncelo. Durante uma tarde inteira insiste na nota sol…
Finalmente, Ester, a sua mulher vai ter com ele e diz:
– Ó Marcelo, há músicos que tocam mais notas…
O violoncelista responde:
– Sabes, querida, os outros estão à procura da nota certa. Eu já a encontrei!

A ESTREIA DO PIANISTA

Um pianista que tinha dado um concerto na cidade foi visitar um amigo.
– É pá! Há quanto tempo não nos víamos! Que fazes por aqui?
– Olha, vim dar um concerto!
– Ótimo! Estás famoso… foi um grande concerto, não é verdade?
– Olha, foi um concerto horrível! Metade da plateia vaiou-me!
– E a outra metade? – perguntou o amigo.
– Felizmente, a outra metade estava vazia! – respondeu.

O PROGRAMA DO RECITAL

No auditório da vila, já começou o recital de piano. Uma jovem chega mais tarde e não sabe o programa. Senta-se e pergunta ao senhor que está ao lado:
– Desculpe… o senhor conhece a música?
– Mais ou menos… – responde ele.
– O que está ele a tocar?
– Não sabe? Está a tocar piano…

NOTAS AO PIANO

Um jovem baterista amador faz a prova de admissão ao Conservatório. O professor toca no piano duas notas: dó e mi.
– O que é isto? – pergunta o professor.
– Hmmm… posso ouvir outra vez? – pergunta o baterista.
O professor repete as notas dó e mi.
– Hmmm… um momento… eu consigo… pode repetir?
O professor toca outra vez as notas dó e mi.
– Consegui! É um piano!

TALENTO DE PERCUSSIONISTA

– Boa tarde, professor.
– Boa tarde…
– Ó professor, o meu filho adora música…
– Isso é ótimo. Inscreva-o no Conservatório.
– Já tentámos, mas não foi admitido.
– Na paróquia, há uma pequena escola. Talvez lá o admitam…
– Não, professor. Fez um teste e acharam que não canta afinado…
– Então, faça o seguinte: dê-lhe dois pauzinhos e chame-lhe percussionista.

BATERISTA NA LOJA DE INSTRUMENTOS

Um baterista resolveu mudar de instrumento.
– É pá… A bateria aborrece os vizinhos… O acordeão é fácil e toco onde eu quiser – disse.
Foi então a uma loja de instrumentos musicais.
– Bom dia! – disse o cliente.
– Bom dia! Posso ajudá-lo? – disse o dono da loja.
– Queria ver acordeões…
– Veja ali ao fundo da loja. Escolha o que quiser…
O rapaz foi até lá e, como não sabia tocar, escolheu pela aparência. Minutos depois, chamou:
– Desculpe… quero aquele branco ali em cima.
– O senhor é baterista, não é? – perguntou o dono da loja.
– Como descobriu ? – respondeu, admirado, o cliente.
– Aquilo é o aparelho de ar condicionado…

VIOLINISTA DÁ AUTÓGRAFOS

No final do concerto, uma jovem aproximou-se do violinista com o livro de autógrafos.
– Mas… não tenho espaço para autografar… – disse o músico.
– Escreve o teu repertório. – sugeriu outro violinista ao lado.

AULAS DE VIOLINO

– Acho que o conheço de algum lado… – disse o juiz para o arguido no tribunal.
– Certamente… – disse o homem. – Dei aulas de violino ao seu filho no Inverno passado…
– Ah, sim… – lembrou o juiz. – Foram vinte anos!

CORDA DESAFINADA

Ao chegar para o ensaio, o maestro viu um contrabaixista muito nervoso.
– Então, o que se passa? – perguntou.
– Um colega desafinou-me uma corda do contrabaixo. – respondeu o músico.
– Ó homem, não é caso para tanto… Afine a corda para começarmos o ensaio.
– Não posso, ele não me diz qual foi corda!

SÃO PEDRO E OS INSTRUMENTISTAS

Juntaram-se às portas do céu três homens. São Pedro perguntou: – Que fizeram de bom na terra?
– Eu construí vários hotéis. Ganhei muito dinheiro e dei 5 milhões de euros a crianças órfãs.
O segundo disse:
– Eu criei uma cadeia de hipermercados, ganhei muito dinheiro e fiz doação de 1 milhão de euros a instituições de solidariedade.
– E tu, filho, que fizeste? – perguntou São Pedro ao terceiro.
– Eu ganhei 20 000 euros em toda a minha vida.
– Hã? Que instrumento tocavas? – perguntou São Pedro.

ÚLTIMO CONCERTO

Um jovem tornou-se solista de uma grande orquestra. Tocava maravilhosamente parte de uma sinfonia que realçava o oboé, seu instrumento. A meio da partitura, estava escrito: “Baixar a cabeça”. O oboísta baixava a cabeça sempre que tocava com a orquestra, e fê-lo ao longo de toda a carreira. Quando foi para a reforma, deu um último concerto e pensou:
– Desta vez… não vou baixar a cabeça.
No concerto, havia imensa gente e tudo correu bem até ao compasso onde estava a indicação:
– Pam!
Levou com a vara do trombone na cabeça!

BOM OUVIDO

Um novo maestro iniciou trabalho com uma orquestra de província.
– Estou perante músicos falhados, que não têm ouvido. Felizmente, eu tenho um ouvido fora do comum, e talvez isso possa compensar…
Gerou-se uma confusão, com toda a gente a falar… Para instaurar a ordem, o percussionista tocou os pratos.
– Quem fez isto? – gritou o maestro…

VIOLONCELISTA À BOLEIA

Um rapaz pedia boleia na estrada, com a sua caixa de violoncelo.
Depois de muito esperar em vão, indignou-se:
– Incrível! Quando era escuteiro e tocava harmónica, sempre havia algum automobilista que gostava de música!

Guitarra

Tocando guitarra

0 comentários

Deixe um comentário

Quer participar?
Deixe a sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *